Técnico Maradona chega à África do Sul

Recebido pela imprensa, treinador não concedeu entrevistas ao desembarcar no país

Diego Maradona, técnico da seleção argentina, chegou à África do Sul para ajudar nos preparativos da estadia de sua equipe no país durante a Copa do Mundo de 2010. Ele foi recebido por um numeroso grupo de jornalistas no Aeroporto de Johannesburgo nesta segunda-feira (18).

Maradona, porém, não concedeu entrevistas e não deve falar com a imprensa durante a sua passagem pela África do Sul, que vai durar uma semana. Um dos objetivos de Maradona é conhecer a Universidade de Pretória onde a seleção argentina irá se concentrar no estágio final de preparação para o Mundial.

A viagem de Maradona é o primeiro evento oficial do astro como técnico da seleção argentina depois de cumprir suspensão imposta pela Fifa, que o puniu por conta de palavrões proferidos durante entrevista coletiva após a vitória por 1 a 0 sobre o Uruguai, que garantiu a classificação da equipe à Copa do Mundo.

Durante o período de suspensão, Maradona não pôde comandar a Argentina em amistoso contra a seleção da Catalunha, em 22 de dezembro, em Barcelona. A equipe foi derrotada por 4 a 2 e ele assistiu a partida das arquibancadas do estádio Camp Nou.

Por causa da punição, Maradona também foi proibido de comparecer ao sorteio dos grupos da Copa do Mundo de 2010, realizado em 4 de dezembro, na Cidade do Cabo, na África do Sul. No evento, ficou definido que os argentinos integrarão o Grupo B do Mundial, que contará também com Coreia do Sul, Nigéria e Grécia.

Fonte: R7, www.r7.com