Mark Webber é o mais rápido na esvaziada manhã em Barcelona

Piloto australiano australiano cravou 1min22s544 no início da última etapa de testes da F-1

A manhã do primeiro dia da última etapa de testes da Fórmula 1 não trouxe surpresas no circuito de Montmeló, em Barcelona, nesta terça-feira (8). Com ausências da Ferrari, Williams, Mercedes e Hispania, o piloto mais rápido foi o australiano Mark Webber, da Red Bull, que deu sua melhor volta a 1min22s544, em sua segunda ida à pista.

Com temperatura local de 16ºC, dez a mais que na última movimentação também na cidade espanhola, os pneus demonstraram um trabalho um pouco melhor. Mesmo assim, Webber ficou bastante tempo na pista, mas apenas dando voltas mais lentas, e voltando aos boxes a seguir. Quando enfim ele decidiu tentar uma volta rápida, acelorou e logo conseguiu a marca.



O tempo foi dois segundos mais rápido que o segundo colocado na movimentação, Nick Heidfeld, da Renault, que andou a 1min24s735 - a equipe francesa anunciou, por meio de seu perfil no microblog Twitter, que o piloto alemão se ressente de um resfriado e não correrá mais, cedendo a vaga ao russo Vitaly Petrov no restante do dia.

O terceiro mais veloz foi o italiano Davide Valsecchi, um dos pilotos de testes da Lotus, que conseguiu 1min25s406 em sua volta mais rápida. Depois, no final da sessão, ele rodou e saiu da pista, obrigando os organizadores da prova a aplicar a bandeira vermelha por alguns instantes, minutos antes do final da sessão.

Com 50 giros no circuito catalão, o mexicano Sergio Perez foi o quarto mais veloz, levando a Sauber ao tempo de 1min25s443. O alemão Nico Hulkenberg, piloto de testes da Force India, foi o quinto com 1min26s030. O sexto colocado foi o inglês Jenson Button, que andou mal com a McLaren, e cravou 1min28s971. O último colocado foi o belga Jerome D"Ambrosio, da Marussia Virgin, com 1min33s502.

A Toro Rosso não conseguiu marcar tempo, com o suíço Sebastien Buemi indo à pista logo no começo da movimentação e voltando aos boxes poucos minutos depois, sem retornar à pista. Espera-se, ainda, que o brasileiro Luiz Razia corra pela Lotus na parte da tarde, de acordo com o novo anúncio da equipe malásia de que os dois pilotos da GP2 correrão durante toda a terça-feira.

Fonte: R7, www.r7.com