Marquinhos será julgado novamente após afirmar que o árbitro roubou

As palavras que levaram Marquinhos ao tribunal foram disparadas contra Célio Amorim.

Marquinhos, capitão do Avaí, foi julgado, no último dia 9 de abril, pelo Tribunal de Justiça Desportiva de Santa Cantarina (TJD) e absolvido da acusação de má conduta após dirigir palavras ofensivas contra o árbitro da partida entre Avaí e Criciúma, no dia 20 de março.

Entretanto, a Procuradoria do TJD entrou com um recurso e, nesta quinta-feira, o meia será julgado novamente, pelo mesmo motivo. Para o procurador geral do tribunal, Felipe Bogdani, a pena aplicada não foi adequada.

?A Procuradoria entende que uma a duas partidas de punição seria o mais adequado, no mínimo uma partida. Mas, outras circunstâncias devem ser analisadas para definir a pena?, declarou ao Diário Catarinense.

As palavras que levaram Marquinhos ao tribunal foram disparadas contra Célio Amorim e podem deixar o camisa 10 do Leão até seis jogos fora.

Na próxima rodada, o Avaí encara o Camboriú, na Ressacada e precisa vencer para se classificar para as semifinais no critério de melhor índice técnico. Os times entram em campo neste domingo, a partir das 16 horas (de Brasília).

Fonte: Gazeta Esportiva