Massa lamenta má fase dos brasileiros na Fórmula 1

Piloto da Ferrari analisou a dança das cadeiras de Lucas Di Grassi e Bruno Senna

Em 2011, o Brasil provavelmente terá menos espaço na Fórmula 1. Entre as mudanças de pilotos que normalmente ocorrem na categoria, Lucas di Grassi já perdeu sua vaga na Virgin Racing, enquanto Bruno Senna corre sério risco na Hispania. Na visão de Felipe Massa, que está garantido na Ferrari, a saída dos dois companheiros traz reflexos negativos ao automobilismo nacional.

- É muito importante ter o maior número de brasileiros correndo, mas a situação não é tão simples. Agora vamos torcer para que tudo dê certo, que eles consigam entrar em outra equipe ou ter a chance de seguir a carreira em outra categoria.

Além de Felipe Massa, Rubens Barrichello também conseguiu a renovação de contrato com a Williams. No caso de Bruno Senna e Lucas di Grassi, a grande dificuldade é o fato de suas equipes não priorizarem a qualidade técnica dos pilotos.

- Essas equipes pequenas precisam de dinheiro, de pilotos que tragam patrocínio, algo que está muito difícil arrumar.

Lucas di Grassi perdeu o lugar na Virgin Racing para o belga Jerome D´Ambrosio. Na temporada 2011, o outro piloto da escuderia será o alemão Timo Glock.

Fonte: R7, www.r7.com