Mercedes se tocam na última volta e Hamilton vence na Áustria

Felipe Massa não completou a corrida

Lewis Hamilton venceu o Grande Prêmio da Áustria com uma última volta fantástica. O inglês, que largou na pole, mas perdeu terreno após a rodada de pit stops, ultrapassou Nico Rosberg a poucos metros do fim, após um toque entre os dois. O alemão levou a pior, terminou a corrida se arrastando e terminou na quarta colocação. Com o resultado a vantagem de Rosberg no campeonato caiu de 24 para 11 pontos.

Tão logo cruzou a linha de chegada, Hamilton se defendeu pelo toque. "Estava do lado de fora e não fui eu quem bateu", disse via rádio. De acordo com os comissários, Rosberg foi culpado pela batida por "não ter dado espaço" para Hamilton. O alemão foi punido com o acréscimo de 10s em seu tempo final, o que não alterou o resultado da corrida. 

Max Verstappen, da Red Bull, foi o segundo colocado, e Kimi Raikkonen, da Ferrari, foi o terceiro. Verstappen chegou a liderar a prova, assim como Sebastian Vettel, que teve um pneu furado e bateu.

O brasileiro mais bem colocado foi Felipe Naser, que terminou a prova em 13º. Felipe Massa abandonou por conta de um problema na asa dianteira do carro. 


Momento em que Mercedes se tocaram (Crédito: F1 Oficial)
Momento em que Mercedes se tocaram (Crédito: F1 Oficial)


Fonte: Com informações do Uol