Messi e CR7 polarizam espetáculo, mas Barça e Real só empatam

Messi e CR7 polarizam espetáculo, mas Barça e Real só empatam

O resultado colocou fim ao aproveitamento perfeito do Barcelona no Campeonato Espanhol

Lionel Messi e Cristiano Ronaldo justificaram mais uma vez por que são os dois melhores jogadores em atividade no futebol mundial. Os dois astros foram os grandes nomes do aguardado clássico entre Barcelona e Real Madrid no Camp Nou, pela sétima rodada do Campeonato Espanhol. O equilíbrio entre eles foi tão grande que cada um marcou duas vezes, e o duelo entre arquirrivais terminou empatado por 2 a 2.

O resultado colocou fim ao aproveitamento perfeito do Barcelona no Campeonato Espanhol - os catalães tinham vencido os seis jogos anteriores ao clássico deste domingo. O time, porém, continuou na liderança do torneio com 19 pontos - oito a mais que o Real, quinto colocado com 11.

Quem começou melhor o clássico foi o Real Madrid, que ignorou os protestos políticos da torcida catalã - que chegou a gritar "independência" - e abriu o marcador aos 23min de bola rolando. O atacante francês Karim Benzema fez ótimo papel de pivô na meia-lua e lançou em velocidade para Cristiano Ronaldo, que chutou rasteiro de canhota e inaugurou o placar no Camp Nou.

O Barcelona, então, viveu um momento terrível na partida logo depois do gol de Cristiano Ronaldo. O Real teve tudo para ampliar logo dois minutos depois, mas a finalização de Benzema explodiu na trave de Victor Valdés - e Di María desperdiçou o rebote. Em seguida, aos 27min, o lateral direito brasileiro Daniel Alves recebeu uma pancada e saiu de campo lesionado.

Mas um vacilo da zaga merengue despertou o Barcelona no clássico espanhol aos 31min. Pepe bobeou na hora de fazer um corte de cabeça em um cruzamento de Pedro e espanou. Lionel Messi, ligado, apareceu entre a defesa adversária e tocou na saída de Iker Casillas para igualar.

O duelo entre arquirrivais seguiu bastante equilibrado, mas o placar só foi se modificar aos 16min. Lionel Messi cobrou uma falta com perfeição no ângulo de Casillas ara virar o confronto e deixar o Barcelona pela primeira vez em vantagem na partida.

Apesar da vantagem, o Barcelona parou para reclamar aos 19min, quando Pedro foi derrubado na área por Sergio Ramos e os jogadores do time azul-grená pediram pênalti. O jogo seguiu e a torcida catalã ainda fazia festa nas arquibancadas aos 21min, quando a defesa anfitriã cochilou quando Ozil tinha a bola nos pés. O alemão foi mais esperto e deu bom passe para Cristiano Ronaldo, livre, invadir a área e decretar o 2 a 2.

O técnico José Mourinho chegou a colocar o meia brasileiro Kaká em campo aos 35min do segundo tempo na vaga de Ozil, mas quem ficou muito mais perto da vitória foi o Real. Montoya, que havia entrado no lugar de Daniel Alves, arriscou de fora da área, mas viu seu chute colocado parar no travessão de Casillas aos 43min.

Agora, o Campeonato Espanhol faz uma pausa no próximo final de semana em decorrência das datas Fifa e só regressa dentro de duas semanas. As duas equipes voltam a campo no dia 20 de outubro, sábado, pela oitava rodada. O Real receberá o Celta no Estádio Santiago Bernabéu, enquanto o Barcelona viajará até a Galícia para medir forças com o Deportivo La Coruña, no El Riazor.

Fonte: Terra