Milan descarta união entre Ronaldinho e Fla

O craque dentuço tem apenas mais um ano de contrato com o rossonero

O sonho rubro-negro em contratar Ronaldinho Gaúcho sofreu um duro golpe nesta quinta-feira. Adriano Galliani, vice-presidente do Milan, falou com a imprensa italiana quando chegava à sede da Lega Calcio para uma reunião. O dirigente negou qualquer contato do clube carioca e rotulou o assunto como absurdo.

- Flamengo? Nunca deu sinal de vida. Não levo em consideração hipóteses absurdas. Ronaldinho é do Milan e jogará a próxima temporada no Milan - disse o cartola.

O craque dentuço tem apenas mais um ano de contrato com o rossonero e, em meados de 2011, poderá deixar o clube a custo zero. Galliani, entretanto, tratou de desmentir o que foi noticiado pela imprensa italiana nos últimos dias, dando conta de que uma cláusula no contrato do brasileiro abriria a possibilidade uma saída antes do fim do compromisso.

- Ronaldinho está chegando à Itália com seu irmão. Não houve qualquer pedido dele para sair e também não há qualquer proposta. Ele tem contrato com o Milan, e não há nele uma cláusula fantasiosa como a que li nos jornais - acrescentou.

De férias no Rio de Janeiro, Ronaldinho chegou a se encontrar com a presidente do Flamengo, Patrícia Amorim, para falar sobre uma possível transferência para a Gávea. O jogador gostou da proposta salarial rubro-negra e chegou a aceitá-la. Contudo, era preciso liberação do Milan, o que, pelas palavras de Adriano Galliani, dificilmente vai acontecer.

Outras negociações do Milan

O vice-presidente do milanista comentou também outros rumores de mercado. O cartola negou que o Milan esteja negociando a contratação do atacante Dzeko, do Wolfsburg, mas confirmou que o rossonero já mexe os pauzinhos para fechar com o meia grego Sokratis Papastathopoulos, da Fiorentina.

- A negociação está em curso, mas ainda não foi finalizada. Quando acaba? Veremos, não me arrisco a dizer.

Fonte: Globo Esporte, www.globoesporte.com