Milan libera Ronaldinho Gaúcho: "ele vai para quem pagar mais"

Milan libera Ronaldinho Gaúcho: "ele vai para quem pagar mais"

O Milan pede o valor de oito milhões de euros (equivalente a R$ 17,6 milhões)

O vice-presidente do Milan, Adriano Galliani, confirmou que Ronaldinho deixará o clube italiano em janeiro. No entanto, o dirigente afirmou que o meia-atacante vai para o time que pagar a sua rescisão contratual.

"Ronaldinho não tinha mais vontade de treinar conosco. Assim sendo, ele irá para quem pagar mais", disse Galliani ao canal Sky Sports, da Itália, nesta quinta-feira.

O Milan pede o valor de oito milhões de euros (equivalente a R$ 17,6 milhões). Uma nova reunião entre o vice-presidente do clube italiano e Assis, empresário e irmão de Ronaldinho, deve ser realizada em breve.

O fato de o Milan não abrir mão de um valor pela saída do jogador vai contra a intenção do Grêmio, que não quer desempbolsar quantia alguma para contratá-lo, abrindo espaço para outros clubes entrarem na corrida pelo meia. Palmeiras e Flamengo ainda sonham com a aquisição.

Enquanto seu destino é decidido no Rio de Janeiro, o craque brasileiro segue treinando com o restante do elenco do Milan em Dubai, nos Emirados Árabes.

Fonte: Terra, www.terra.com.br