Ministro viajou em avião da FAB para ver jogo no Rio, diz jornal

Ministro viajou em avião da FAB para ver jogo no Rio, diz jornal

Segundo a "Folha de S.Paulo", Garibaldi Alves admitiu uso do avião

O ministro da Previdência, Garibaldi Alves, usou avião da FAB no fim de semana para viajar do Ceará para o Rio de Janeiro, onde assistiu à final da Copa das Confederações, entre Brasil e Espanha. As informações foram publicadas nesta sexta-feira (5) no jornal "Folha de S. Paulo".

De acordo com o jornal, Alves admitiu que usou o avião para ir do Ceará ao Rio. Entramos em contato com a assessoria do ministro, que pediu para ligar mais tarde.

O decreto presidencial 4.244 de 2002 diz que autoridades, como o presidente do Senado, podem viajar em aviões da FAB nas seguintes circunstâncias: por motivo de segurança e emergência médica; em viagens a serviço; e em deslocamentos para o local de residência permanente.

Alves alega na reportagem da "Folha" que pediu o avião para ir a um compromisso oficial em Nova Morada, no Ceará, o que é permitido pelo decreto. Na volta, em vez de pedir para ser deixado em Brasília, o ministro pediu para ficar no Rio. Alves disse ao jornal que voltou do Rio para Brasília em voo comercial.

Mais voos da FAB

Nesta semana o presidente da Câmara dos Deputados, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), admitiu que foi de Natal ao Rio de Janeiro no fim de semana em voo da FAB e levou parentes e amigos. Alves disse que tinha encontro com o prefeito do Rio, Eduardo Paes (PMDB). Na cidade, Alves e os parentes também assistiram ao jogo da seleção.

Após reconhecer o que chamou de "equívoco", Henrique Eduardo Alves informou que reembolsou R$ 9,7 mil aos cofres da União.

Nesta quinta, reportagem do jornal "Folha de S. Paulo" disse que o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL) usou avião da FAB para viajar de Maceió a Porto Seguro no dia 15 de junho. Renan, segundo o jornal, foi participar do casamento da filha do senador Eduardo Braga (PMDB-AM) em Trancoso.

?Deixa eu explicar. O avião da FAB usado por mim é um avião de representação. E eu o utilizei como tenho utilizado sempre, na representação como presidente do Senado?, disse Renan nesta quinta.

Fonte: G1