Moreno marca e dá vitória ao Grêmio na estreia da Arena

Moreno marca e dá vitória ao Grêmio na estreia da Arena

Na partida de abertura da Arena do Grêmio, o time gaúcho venceu o Hamburgo por 2 a 1

Na partida de abertura da Arena do Grêmio, o time gaúcho venceu o Hamburgo por 2 a 1, neste sábado, com um gol de Marcelo Moreno, aos 42min do segundo tempo. O gol do atacante boliviano salvou a noite para os mais de 60 mil torcedores presentes para a inauguração da nova casa tricolor.

Apesar de enfrentar um adversário histórico, o mesmo da final do título mundial em 1983, as provocações ao arquirrival de Porto Alegre não foram esquecidas durante o jogo. André Lima marcou o primeiro gol do estádio e comemorou seu gol com a celebração característica do goleiro Muteba Kidiaba, do Mazembe (Congo), que vibrou da mesma maneira ao eliminar o Internacional no Mundial da Fifa de 2010.

O jogo começou com meia hora de atraso, mas a torcida pareceu não se importar. Com 60 mil tricolores presentes, o Grêmio iniciou a partida em alta velocidade e conseguiu abrir o placar aos 9min de jogo. Elano cobrou escanteio do lado direito e André Lima, que já havia perdido uma chance de gol, subiu mais alto que a zaga para testar firme e entrar para a história como o primeiro a balançar as redes da Arena.

Na sequência da primeira etapa, o time comandado por Vanderlei Luxemburgo diminuiu o ritmo e só chegou com perigo mais uma vez, aos 37min, quando Souza foi à lionha de fundo e cruzou para Elano na pequena área. O meia, contudo, pegou mal na bola, com o joelho, e mandou por cima do gol.

Após um intervalo com diversas mudanças, cinco do lado do Grêmio e duas pelo Hamburgo, a afobação tomou conta do time tricolor, que abusou dos lances de impedimento. Os alemães, que não gostariam de ser apenas coadjuvantes na festa, aproveitaram o momento e empataram o jogo.

Aos 25min, Ilicevic cobrou escanteio pelo lado esquerdo para a entrada de área. Westermann pegou de primeira, a bola desviou em Marcelo Moreno e enganou Marcelo Grohe.

Quando tudo indicava que o jogo terminaria empatado, Moreno tratou de se redimir pelo desvio no gol adversário. Aos 42min, Marquinhos fez boa jogada pela meia direita e cruzou na segunda trave para o centroavante pegar de primeira, de perna esquerda, e fazer a festa da torcida.

Se por um lado André Lima entrou para a história como o autor do primeiro tento, Marcelo Moreno ficará marcado por ter feito o último do Estádio Olímpico e por ser o grande responsável pela primeira vitória na Arena Grêmio.

Fonte: Terra, www.terra.com.br