Na despedida do torcedor carioca em 2014, Fla bate Coritiba

Na despedida do torcedor carioca em 2014, Fla bate Coritiba

O time rubro-negro se despediu da sua torcida do Rio de Janeiro neste ano, já que os dois jogos restantes que ele tem direito a mando serão realizados no Castelão e na Arena Amazônia

Joel bem que tentou, mas não conseguiu evitar a vitória do Flamengo sobre o seu Coritiba neste domingo, no Maracanã. Em uma movimentada partida, o clube carioca venceu por 3 a 2, gols de Mugni, Everton e Nixon, mas viu o camaronês dar trabalho para a sua defesa, convertendo os dois tentos dos visitantes no confronto válido pela 34ª rodada do Campeonato Brasileiro. O time rubro-negro se despediu da sua torcida do Rio de Janeiro neste ano, já que os dois jogos restantes que ele tem direito a mando serão realizados no Castelão e na Arena Amazônia.

Com a vitória, o clube carioca supera o Santos na classificação da primeira divisão. A equipe rubro-negra foi aos 47 pontos, uma a maisque os paulistas. Já o Coritiba mantém o 15º lugar, mas segue ameaçado pelo rebaixamento e pode até perder uma posição ainda neste domingo, dependendo do resultado do confronto entre Chapecoense e Vitória.

Na 35ª rodada, o Flamengo vai até a Arena Independência na quarta-feira encarar o Atlético-MG às 22h. O Coritiba encara o Vitória no Barradão em um confronto direto entre times desesperados que ocorrerá às 21h do mesmo dia.

O primeiro gol do Flamengo veio aos 12min da primeira etapa, dos pés de Mugni, que finalizou de primeira um cruzamento de Nixon e bateu no contrapé de Vanderlei. Everton ampliou aos 20 min do segundo tempo, concluindo uma bela arrancada de Gabriel pela direita com um chute no meio do gol do Coritiba.

O time paranaense reagiu aos 22min, quando Zé Love recebeu pela esquerda em um contra-ataque, cruzou para o meio e encontrou Joel, que bateu de primeira no canto direito de Paulo Victor. O goleiro se esticou, mas não conseguiu evitar o gol. Apesar da reação dos visitantes, o Flamengo fez o terceiro aos 35min com Nixon, mas permitiu que Joel brilhasse de novo aos 38min e diminuiu novamente a vantagem flamenguista. Os paranaenses tentaram pressionar, mas não foram capazes de alcançar o empate.



Fonte: Terra