Na estreia de Joel, Bota vence América vence de virada

Na estreia de Joel, Bota vence América vence de virada

O Botafogo chegou aos 12 pontos e assumiu a vice-liderança do Grupo B da Taça GB

A estreia do técnico Joel Santana no comando do Botafogo não poderia ser diferente. Com pitadas de sofrimento e até mesmo com um toque de sorte, o treinador viu o Glorioso vencer o América por 2 a 1, no Engenhão, nos últimos minutos do confronto válido pela quinta rodada da Taça Guanabara, primeiro turno do Campeonato Carioca. Com um gol de Loco Abreu, o seu primeiro pelo time alvinegro, e outro de Caio, aos 42 da etapa final, a equipe de General Severiano seguiu na briga por uma vaga nas semifinais da competição. Adriano marcou para o Diabo.

Ao melhor estilo Joel Santana, com berros na beira do gramado e chutes em copos de água próximos ao banco de reservas, o Botafogo chegou aos 12 pontos e assumiu a vice-liderança do Grupo B da Taça GB. O América permaneceu com quatro. Na próxima rodada, o Glorioso vai encarar o Madureira, no Maracanã. O América pega o Friburguense, no Eduardo Guinle, em Friburgo. As duas partidas vão acontecer na próxima quinta-feira.

Loco Abreu desencanta e consegue igualar o marcador para o Bota

O América teve duas chances claras de marcar logo no início da partida. Na primeira, aos dois minutos, Adriano recebeu livre pelo lado direito e cruzou no pé de Claudemir. O jogador errou o chute e a bola passou rente à trave direita de Renan. Um minuto depois, Jones Carioca aproveitou um ótimo cruzamento e chutou por cima do gol do Glorioso.

Logo após os dois lances, os torcedores começaram a pegar no pé do lateral-direito Alessandro, que errava muitos passes e não conseguia acertar um lance sequer. A partir daí, o Botafogo colocou a bola no chão e acalmou os ânimos. Lucio Flavio chamou a responsabilidade e passou a distribuir o jogo. Loco Abreu também começou a aparecer no comando do ataque.

Aos 16, o uruguaio recebeu na entrada da área, fez o trabalho de pivô e rolou para Lucio Flavio. O meia soltou a bomba e a bola passou à direita de Roberto. Dois minutos depois, Alessandro cruzou na área e no bate-rebate a bola sobrou para Abreu. Na hora do chute, o gringo foi travado. Quando parecia que o Glorioso iria acordar para o jogo foi o América quem abriu o marcador. Aos 23, Gerson cruzou e Adriano de cabeça tocou no canto de Renan: 1 a 0.

Três minutos depois, Claudemir cobrou falta da entrada da área e Renan fez uma bela defesa. O América seguiu melhor e quase fez o segundo em um contra-ataque. Aos 29, Júnior tocou para Adriano, que rolou para Osmar na meia-lua. O volante chutou de primeira e a bola passou por cima do gol de Renan. Aos 35, Marcelo Cordeiro recebeu pelo lado esquerdo e cruzou na cabeça de Abreu, que só teve o trabalho de empurrar o gol para empatar o jogo.

Caio marca no fim e dá vitória ao Glorioso

O Botafogo foi quem teve a primeira oportunidade na etapa final. Aos dois, Renato Cajá cobrou falta pelo lado direito da grande área e a bola passou perto do gol de Roberto. No minuto seguinte, o América deu o troco. Daniel Morais recebeu na entrada da área e soltou a bomba. O goleiro Renan tirou com a ponta do dedo, salvando o Glorioso.

O time alvirrubro voltou a assustar aos 16. Daniel Morais rolou para Claudemir na entrada da área. O lateral-direito chegou na corrida e chutou forte por cima do gol de Renan. Aos 19 minutos, Gerson recebeu pelo lado esquerdo e cruzou com perigo. A bola passou na frente do gol alvinegro e foi afastada pela zaga. Quase o segundo gol do América.

O Glorioso acordou para o jogo aos 27. Loco Abreu deu um bom passe para Diguinho na entrada da área. O meia passou por um adversário e chutou para boa defesa de Roberto, que espalmou para escanteio.Três minutos depois, Herrera recebeu dentro da área e soltou a bomba para ótima defesa do goleiro do América. Na sobra, Abreu chutou errado.

Aos 32, Júnior passa por dois defensores do Botafogo, entra na área e é travado na hora do chute. Quando parecia que o jogo ficaria no empate, o Glorioso fez o segundo gol. Caio recuperou uma bola no meio-campo, passou por um adversário e já dentro da área tocou na saída do goleiro Roberto: 2 a 1.

Fonte: Globo Esporte, www.globoesporte.com