Neymar aceita sacrifício no Barça e coloca Copa em risco ao jogar final

Neymar aceita sacrifício no Barça e coloca Copa em risco ao jogar final

Neymar foi incluído na lista de relacionados e deve ser opção no banco de reservas.

Após acelerar o processo de recuperação de lesão no pé esquerdo, Neymar aceitou o desafio de atuar pelo Barcelona na partida decisiva do Campeonato Espanhol contra o Atlético de Madrid, sábado, no Camp Nou. Em meio ao tratamento, o atacante realizou a mesma atividade dos companheiros na manhã desta sexta-feira, e assim, decidiu pelo risco de não disputar a Copa do Mundo em caso de agravamento da situação.

Neymar foi incluído na lista de relacionados e deve ser opção no banco de reservas. O sacrifício do camisa 11 veio após grande pressão de torcedores do Barcelona e imprensa catalã para que participe, ao menos, por alguns minutos do duelo em que o time precisa vencer para ser campeão. A situação é mesma vivida pelo zagueiro Piqué e o lateral Jordi Alba, também lesionados recentemente.

Neymar chegou a ter a participação no confronto descartada pelo treinador do Barça, Tata Martino, no mês passado, época em que foi diagnosticado o edema no quarto metatarso do pé esquerdo. Agora, o discurso do treinador é de agradecimento.

"Provavelmente não estejam (Piqué, Jordi Alba e Neymar) nas melhores condições. Mas não se trata de jogar seis partidas seguidas, e sim um jogo decisivo. A vontade que tiveram para participar, o esforço que tiveram para recuperar de suas lesões, a grande valentia, isso a nível de grupo é um feito totalmente de valor. Sei que há a Copa do Mundo em jogo também, mas eles mostraram muita força", disse Tata.

No início da semana, Neymar ainda convivia com a lesão no pé esquerdo e reclamava de dores no local. Só que o posicionamento atual do Barcelona é de que o problema já não existe mais, e por isso, o atacante treinou com bola e realizou a mesma atividade dos demais jogadores relacionados para a decisão.

O treinamento desta sexta foi aberto aos jornalistas somente nos primeiros 15 minutos. Neles, Neymar participou da roda de bobinho no mesmo grupo de Messi e atuou com disposição e sorriso no rosto.

Todos movimentos do atacante foram acompanhados pelos cerca de 50 jornalistas presentes na atividade. Neymar teve pouco contato com a bola, mas chegou a arriscar chutes ao gol assim que entrou no gramado.

O brasileiro entrou em campo sozinho, mas logo procurou contato com o compatriota Daniel Alves. Pouco depois, partiu para gozações e risadas ao brincar com Song, Jordi Alba, Alexis Sánchez e Adriano.

Neymar já demonstra esforço para estar em campo há algum tempo. Nesta semana, ele passou a conciliar atividades fisioterápicas realizadas em dois períodos com treinamentos físicos. Mesmo assim, o cenário levava a crer que não estaria disponível para a decisão.

A proximidade da Copa do Mundo também impulsionou a pressão atual no Barcelona. Ele e até mesmo o ídolo Lionel Messi já foram acusados por torcedores de estarem priorizando a preparação para a disputa no Brasil.

O Barcelona precisa vencer o Atlético de Madrid no Camp Nou para ficar com o título do Campeonato Espanhol. Outro resultado deixa o time adversário como campeão.

Fonte: UOL