Neymar afunda Goiás e quebra recorde de 25 anos; veja números

Neymar afunda Goiás e quebra recorde de 25 anos; veja números

Além disso, o jogador alcançou uma incontestável marca de 42 gols na temporada

O atacante Neymar deu um show particular neste último domingo, no Estádio Serra Dourada. O camisa 11 driblou, deu assistência e marcou três gols que ajudaram o Santos a encerrar um jejum de sete partidas sem vitórias e decretaram o rebaixamento precoce do Goiás no Campeonato Brasileiro.

Além disso, o jogador alcançou uma incontestável marca de 42 gols na temporada e se tornou o maior artilheiro santista em uma única temporada desde Serginho Chulapa, que comemorou 45 em 1985.

Neymar viveu uma noite inspirada em Goiânia, especialmente no segundo tempo. Driblador, o avançado usou e abusou do quesito em 16 oportunidades - para se ter uma ideia, toda a equipe santista junta driblou 26 vezes - e finalizou 10 chutes contra a meta do time alviverde - destes, quatro foram direcionadas ao gol e três tiveram endereço certo.

Ao longo dos 2min16s que permaneceu com a bola nos pés (foi o líder de posse da partida), o jogador ainda foi extremamente participativo. Recebeu três faltas (o que fez dele o santista mais caçado em campo), trocou 28 passes (sendo apenas três errados) e ainda foi o autor da assistência do primeiro gol da equipe alvinegra no confronto, marcado por Danilo.

Com os três gols, o jogador ultrapassou o recorde de Kléber Pereira (41, em 2008) e Giovani (40, em 1995) e se consagrou como o principal goleador do time alvinegro em uma única temporada nos últimos 25 anos.

Porventura, se o avançado balançar as redes mais quatro vezes, também deixará para trás a marca de Chulapa e se tornará o maior artilheiro santista desde Pelé, que fez 52 tentos em 1973. Contudo, Neymar pode não realizar o feito em 2010 caso o clube alvinegro decida antecipar suas férias, como tem sido cogitado.

Veja os números de Neymar contra o Goiás, de acordo com o Footstats:

Gols: 3

Assistências: 1

Finalizações: 10 (4 certas e 6 erradas)

Passes: 28 (25 certos e 3 errados)

Dribles: 16 (12 certos e 4 errados)

Faltas: 4 (3 sofridas e 1 cometida)

Posse de bola: 2 minutos e 16 segundos

Fonte: Terra, www.terra.com.br