Neymar culpa juiz por derrota santista: "foi mérito do árbitro"

Neymar culpa juiz por derrota santista: "foi mérito do árbitro"

Neymar reclamou da arbitragem durante e após o jogo

De volta ao Brasil após participarem do amistoso em que a Seleção perdeu por 3 a 2 para a Alemanha, em Stuttgart, Neymar e Paulo Henrique Ganso não digeriram bem a derrota do Santos por 2 a 0 frente ao Atlético-GO e deram a entender que a arbitragem influenciou no resultado, por conta de um pênalti não marcado sobre o jovem atacante no início da partida.

"Mérito foi do árbitro", disse Neymar na saída do gramado, questionado sobre a derrota deste sábado, pela 16ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Ganso seguiu a mesma linha do companheiro de equipe e atribuiu o resultado adverso à não marcação da penalidade. O meio-campista ainda reclamou das chances perdidas pelo Santos no jogo.

"Tivemos bastante chances de marcar, um pênalti não marcado em cima do Neymar no primeiro tempo também. Diogo mandou duas bolas na trave. Não tem jeito, é o futebol, quem não faz leva", explicou.

A jogada questionada aconteceu aos 30min do primeiro tempo, quando Neymar recebeu uma bola dentro da área e se envolveu em um choque com o lateral direito Adriano. O juiz Meira Ricci interpretou o lance como uma simulação do jogador e deu cartão amarelo ao camisa 11 santista.

A longa viagem depois de servir à Seleção Brasileira em amistoso contra Alemanha não foi desculpa para o camisa 10 santista para o mau resultado. "Foi cansativo, lógico, mas isso não pode interferir. Inúmeras chances perdidas. Mas não aconteceu o gol. Atlético-GO foi diferente e marcou nas duas vezes que chegou."

Rixa judicial

O Santos temia antes do jogo que Sandro Meira Ricci prejudicasse a equipe por conta de uma rixa pessoal com Neymar. O juiz ingressou, em dezembro do ano passado, com uma ação judicial contra o atacante.

O problema entre jogador e árbitro surgiu por conta de uma declaração do primeiro no Twitter, após um pênalti marcado contra o Santos na derrota fora de casa para o Vitória, pelo Campeonato Brasileiro do ano passado.

Neymar postou "juiz ladrão vai sair de camburão", mas logo em seguida apagou a mensagem e disse que outra pessoa havia utilizado a conta no microblog para escrever a frase. Irritado, o árbitro resolveu ingressar judicialmente contra Neymar, pedindo uma indenização de R$ 20 mil por ofensas morais.

Fonte: Terra, www.terra.com.br