Neymar: " fui intimidado por juiz, me mandou ficar em pé"

Neymar: " fui intimidado por juiz, me mandou ficar em pé"

Neymar reclamou da falta de diálogo da arbitragem brasileira

Neymar relatou ter sofrido pressão de um dos árbitros do Campeonato Brasileiro. O atacante diz que foi intimidado por um juiz durante uma partida pelo Santos devido a fama de simular faltas e que ficou triste com o fato ocorrido, alegando que o responsável pela arbitragem não o deixava tranquilo em campo.

"Errar é humano, todos sabem disso independente de ser árbitro ou jogador. Todos erram. Mas em um dos últimos jogos, dentro da partida, parti para cima do adversário e o árbitro me mandou ficar em pé. Toquei a bola e perguntei porque estava falando aquilo para mim. Não acho certo ele me intimar", afirmou.

O craque santista é constantemente acusado por adversários de querer simular faltas e tentar jogá-los contra a arbitragem. Recentemente, contra o Grêmio, Neymar foi expulso após acertar o lateral direito Pará com um pisão. A punição ao atacante foi de dois jogos, um cumprido automaticamente e o outro anulado por efeito suspensivo. O árbitro Nielson Nogueira Dias, responsável por lhe dar o cartão vermelho, foi suspenso por 15 dias.

"Aconteceu comigo, é uma coisa chata. Quer dizer que toda hora estou simulando? Não quero simular. Eu sou leve, caio para para me prevenir. Fiquei chateado, muito triste, o árbitro estava me intimando, não me deixava tranquilo", confessou, sem citar nominalmente o juiz.

Neymar ainda afirmou que se depara com árbitros "durões e que querem demonstrar poder" e que espera por mais diálogo em campo para acertar situações pontuais. O atacante fará neste sábado, contra o Cruzeiro, o 61º jogo na temporada.

Fonte: Terra, www.terra.com.br