Neymar volta ao Brasil para férias antecipada;  pai fala de adaptação

Neymar volta ao Brasil para férias antecipada; pai fala de adaptação

Pai do craque diz a rede espanhola de televisão que família está contente pelo rendimento.

De folga antecipada para passar as festas de fim de ano no Brasil, Neymar saiu de Barcelona de bem com a vida. O que fica óbvio ao se analisar as estatísticas de seus primeiros seis meses na Europa e observar suas reações dentro de fora de campo foi ratificado pelo seu pai em entrevista à rede espanhola de televisão "Cuatro".

- Estamos muito satisfeitos. Neymar está bem, tranquilo e contente. Muito feliz por estar no clube que escolheu e ter conseguido uma adaptação ótima. Está crescendo pouco a pouco e se destacando. Isso é o que importa para nossa família. Que continue aprendendo e se evoluindo. Está num grande clube, ao lado de grandes jogadores. Tem que conseguir o máximo de rendimento possível dessas circunstâncias - disse Neymar da Silva Santos, pai do craque, ao jornalista David Bernabéu, da "Cuatro".

A respeito da relação com Messi nos últimos seis meses, o pai do craque disse que o argentino é um exemplo para Neymar.

- A verdade é que Messi é um ídolo para Neymar. É um jogador que deseja sempre agradar a todo mundo. É espetacular. Para nós, também é o melhor jogador, sem dúvida alguma.

O pai de Neymar também se mostrou tranquilo em relação ao requerimento do juiz Pablo Ruz, da Audiência Nacional, que deu prazo de cinco dias para o Barcelona entregar o contrato do craque, para que sejam esclarecidos os valores da transferência do Santos para o clube.

Suspenso da última partida do time catalão no ano, pelo Campeonato Espanhol, neste domingo, contra o Getafe, às 14h (de Brasília), o brasileiro volta da folga apenas no dia 2 de janeiro. No fim de semana seguinte, entra em campo para enfrentar o Elche, no Camp Nou.

Em 23 partidas pelo clube, Neymar fez 11 gols. Seis saíram nas últimas três partidas, em uma semana. Além de balançar a rede em todas as quatro competições disputadas (Espanhol, Copa do Rei, Supercopa da Espanha e Liga dos Campeões da Europa), deu dez assistências. Só desfalcou o time em três jogos.

Além dos feitos individuais, o brasileiro contribuiu decisivamente para o time levantar a primeira taça da temporada. Fez o gol de empate por 1 a 1 com o Atlético de Madrid, no Vicente Calderón, em resultado que acabou sendo decisivo para a conquista da Supercopa da Espanha depois do 0 a 0, no Camp Nou. De quebra, ainda balançou a rede no clássico diante de outro rival, o Real Madrid, na vitória por 2 a 1.

Fonte: GloboEsporte