Nos Aflitos, Grêmio bate Náutico

Já o Náutico segue na 16ª posição, com apenas 25 pontos, um a mais que o Santo André

Na reedição da mítica "Batalha dos Aflitos", o Grêmio venceu o Náutico por 2 a 0 no Recife e colecionou seu primeiro triunfo fora de casa no Campeonato Brasileiro. A vitória levou os gaúchos à sexta colocação, com 36 pontos, perto do G-4. Já o Náutico segue na 16ª posição, com apenas 25 pontos, um a mais que o Santo André, primeiro time na zona de rebaixamento.

O jogo começou truncado, com muitos erros de passe e marcação pesada no meio de campo. A equipe do Náutico arriscava chutes de fora da área para passar pela marcação gremista, mas quem marcou foi o Grêmio. Aos 18min, Tcheco cruzou pela direita e Souza completou para abrir o placar.

O Náutico perdeu Acosta, lesionado, e viu sua situação complicar-se ainda mais aos 27min. Jonas apareceu na área, passou pela marcação e chutou no canto esquerdo para fazer o segundo gol do Grêmio. O time da casa tentou responder com Márcio Barros, aos 33min, mas Victor fez excelente defesa.

Com uma ótima vantagem, o Grêmio passou a administrar o jogo no segundo tempo. O Náutico errava muitos passes no ataque e facilitava o trabalho da marcação do time visitante. A sorte dos pernambucanos mudou aos 17min, com a expulsão de Maxi López.

A inferioridade numérica fez com que o Grêmio se retraísse e passasse a se defender ainda mais. O Náutico tocava a bola no campo de ataque, mas não era capaz de encontrar espaços na defesa gaúcha. Quando conseguiam algum lance de perigo, Victor aparecia bem para salvar o time visitante. A melhor chance de marcar do Naútico foi com Carlinhos Bala, aos 45min, que acertou a trave do Grêmio.

Fonte: Terra, www.terra.com.br