Brasil perde para a Argentina e se complica no basquete

Argentina venceu por 111 a 107, na prorrogação

O Brasil lutou, mas, mais uma vez, não teve sucesso contra seu grande algoz. Apesar de um péssimo desempenho no primeiro quarto, a seleção brasileira se recuperou e dominou toda partida, mas, no final, acabou vacilando em momentos cruciais, deixou os rivais empatarem e, depois de duas prorrogações, acabou derrotada para a Argentina por 111 a 107, ficando em situação delicada para conseguir uma vaga nas quartas de final do basquete nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro.

A derrota, apesar de péssima, não significa eliminação imediata ao Brasil, já que ainda há uma partida contra a Nigéria e uma combinação de resultados pode salvar a equipe brasileira.

Com o revés, o Brasil fica com três derrotas e apenas uma vitória (1-3). Agora, precisa secar a Espanha (1-2), que enfrenta mais tarde a Lituânia e, na última rodada, a Argentina. Se o Brasil vencer a Nigéria, e a Espanha perder pelo menos um de seus jogos finais, a seleção entra porque venceu os espanhóis no confronto direto (primeiro critério de desempate).

Ainda assim, na melhor das hipóteses, o Brasil se classificará como quarto colocado do grupo, enfrentando nas quartas de final a temida seleção dos Estados Unidos.


Leandrinho teve atuação abaixo da média neste sábado (Crédito: Reuters)
Leandrinho teve atuação abaixo da média neste sábado (Crédito: Reuters)
Nocioni foi o grande nome da Argentina no primeiro tempo (Crédito: Reuters)
Nocioni foi o grande nome da Argentina no primeiro tempo (Crédito: Reuters)


Fonte: Com informações do Uol