Depois da Austrália, atletas da Suécia deixam a Vila Olímpica

“Não há água quente nos apartamentos", disse gerente sueco.

Depois das duras críticas que o Comitê Olímpico Australiano fez sobre as condições da Vila Olímpica, foi a vez da delegação sueca se recusar a ficar no local e igualmente apontar diversas de infraestrutura. De acordo com a Agência Brasil, o gerente do Comitê Olímpico Sueco (SOC, sigla em inglês), Peter Reinebo, disse que a Vila Olímpica do Rio não está pronta. Reinebo apontou problemas com água, eletricidade e até esgoto nos alojamentos.

No domingo, o time de futebol feminino sueco já havia preferido se hospedar em hotéis. No entanto, até agora a delegação do país não tinha se manifestado oficialmente sobre as condições da Vila. Nesta terça-feira, outros atletas da Suécia embarcaram em táxis, com malas, e foram para hotéis.

Em entrevista ao jornal sueco “Expressen”, Reinebo afirmou que as condições não são as ideais, mas espera uma melhoria rápida no que ele chamou de “batalha contra o tempo”:

“Não há água quente em todos os apartamentos e ainda alguns ralos que não funcionam. É difícil você se movimentar ao mesmo tempo em que os trabalhadores da construção estão terminando o trabalho no interior dos apartamentos”.

Vila Olímpica (Crédito: Reprodução)
Vila Olímpica (Crédito: Reprodução)


Fonte: Com informações do Extra