Isaquias vence série e vai para a final na canoagem na Rio 2016

Isaquias vence bateria e avança direto para a final de 1ª prova

Uma das esperanças de medalha do Brasil, o canoísta Isaquias Queiroz estreou nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro vencendo sua bateria e avançando direto para a final da categoria C1 1000m da canoagem, que está sendo disputada na Lagoa Rodrigo de Freitas. Com o tempo de 3min59s615, o brasileiro controlou a segunda série eliminatória desde o início e ainda diminuiu o ritmo nos metros finais ao certificar que não seria mais alcançado.

Image title

Seu principal rival, o alemão Sebastian Brendel, também garantiu vaga na final ao completar a primeira bateria do dia com um tempo melhor do que o brasileiro: 3min58s044. Pelos resultados desta segunda-feira, os dois devem protagonizar a disputa pelo ouro na decisão, já que o vencedor da terceira bateria, Serghei Tarnovschi, marcou 4min05s193.

Nesta primeira fase, nenhum competidor é eliminado. O vencedor de cada uma das três baterias avança direto para a decisão e os demais canoístas disputam a semifinal ainda nesta segunda-feira para definir os cinco atletas restantes. A final da categoria C1 1000m está marcada para as 9h08 de terça-feira.

"Foi muito boa a prova, mas tem como realizar uma prova muito melhor na final", afirmou Isaquias. "Foram 4 anos de preparação. Faltam cinco ou seis para terminar esse aao, já estava com muita sede de competir e chegou o momento de competir", completou.

Graças a um calendário diferente em relação a Pequim-2008 e Londres-2012, Isaquias Queiroz tentará entrar para a história como o primeiro brasileiro com três medalhas em uma mesma edição de Olimpíada. César Cielo (Pequim-2008), Gustavo Borges (Atlanta-1996), Afrânio da Costa e Guilherme Paraense (Antuérpia-1920) conquistaram duas.

A princípio, o brasileiro disputaria as provas de C1 200m e C2 1000m. Porém, com a C1 1000m marcada para os dois primeiros dias, ele conseguiu encaixá-la em sua agenda nos Jogos do Rio de Janeiro. Geralmente, em Mundiais, há um menor espaço entre as provas de canoa, forçando os atletas a competirem em menos categorias.    

Na categoria C1 1000m, Isaquias tem como melhores resultados na carreira o bronze no Mundial de 2013 e o ouro nos Jogos Pan-Americanos de 2015, em Toronto. Na C1 200m, Isaquias tem o bronze do último Mundial, em 2015, e garantiu o ouro do Pan de Toronto. A prova será disputada na quarta (eliminatórias) e quinta-feira (final).  

Isaquias fecha sua participação na Lagoa Rodrigo de Freitas na sexta-feira e sábado, quando serão disputadas as eliminatórias e final da C2 1000m. Ele é o atual campeão mundial da prova em parceria Erlon de Souza.

Fonte: Com informações da UOL