Nadadores russos são autorizados a disputar os Jogos Rio-2016

Morozov e Lobintsev foram excluídos dos Jogos pela Federação

Os nadadores russos Vladimir Morozov e Nikita Lobintsev foram autorizados a participar dos Jogos Olímpicos do Rio-2016, afirmaram nesta terça-feira (2) representantes dos dois atletas, uma informação ainda não confirmada pelas entidades oficiais.

Ambos os atletas foram excluídos dos Jogos Olímpicos pela Federação Internacional de Natação (Fina) devido ao escândalo de doping que assola a Rússia e apresentaram um recurso no Tribunal Arbitral do Esporte (TAS), cuja decisão é esperada a qualquer momento. Contactados pela AFP, TAS e Fina não confirmaram as informações dos representantes dos atletas.

Nikita Lobintsev foi autorizado a participar dos Jogos (Crédito: AFP)
Nikita Lobintsev foi autorizado a participar dos Jogos (Crédito: AFP)

"Posso confirmar que Lobintsev e Morozov foram autorizados a participar dos Jogos", declarou Andrei Mitkov, representante de Nikita Lobintsev, à agência russa Interfax.

"Nos reuniremos com representantes do COI para falar da situação", continuou.

Artiom Patsev, advogado dos dois nadadores, declarou à agência russa Tass ter recebido sinal verde da Fina para que os atletas disputem os Jogos do Rio, mas não citou o TAS.

Morozov, especialista dos 100 e 50 metros livres e costas, tricampeão do mundo em piscina curta, foi medalhista de bronze no revezamento 4x100 m em Londres.

Entre todos os atletas russos excluídos dos Jogos do Rio, Morozov e Lobintsev foram os primeiros a recorrer ao TAS. Outros 30 atletas optaram em seguida por seguir o mesmo caminho jurídico.

A três dias da cerimônia de abertura dos Jogos, o número exato de atletas russos que poderão participar do evento é uma incógnita.

A decisão final é responsabilidade de três membros do Comitê Olímpico Internacional (COI), que analisam o caso dos atletas autorizados a competir pelas federações internacionais de cada esporte.

Fonte: iG