No Maracanã, Brasil faz 6 em Honduras e fica a um passo do ouro

Na partida, Neymar marcou o gol mais rápido da história dos Jogos

Com sobras e requintes de crueldade, a seleção brasileira aplicou 6 a 0 na seleção de Honduras, na tarde desta quarta-feira (17), e levou o Maracanã à loucura. Com dois gols de Neymar, dois de Gabriel Jesus, um de Marquinhos e um de Luan o sonho do ouro olímpico ficou mais perto para a seleção.

Com uma torcida que pediu pela Alemanha, rival da Nigéria na outra semifinal desta tarde, o Brasil já garantiu a prata, mas certamente quer outra cor de medalha após os vice-campeonatos de 1984, 1988 e 2012. A terceira vitória convincente na Olimpíada indica que isso poderá ocorrer no próximo sábado, de novo no Maracanã.

Prêmio às convicções de Rogério Micale, o triunfo sobre Honduras foi construído graças ao futebol coletivo do Brasil, que ainda não sofreu gols na Olimpíada, mas teve seu brilho mais intenso com os homens de frente. Em especial, do camisa 10 que comandou todas as ações mais uma vez.

A defesa do Brasil ainda não sofreu nenhum gol nesta edição dos Jogos Olimpicos. 

Com a vitória sobre Honduras, o Brasil assegurou a sexta medalha olímpica no futebol masculino, o que é um recorde em número de pódios. A nação líder de ouros olímpicos é a Hungria, que já ganhou três vezes e ainda tem uma prata e um bronze. Com o marcado com 15 segundos, Neymar também registrou o gol mais rápido da história do futebol da Olimpíada.

Image title

Image title

Image title

Fonte: Com informações do Uol