Pedro Solberg e Evandro se recuperam e avançam no vôlei de praia

Dupla brasileira venceu Aleksandrs Samoilovs e Janis Smedins

Depois de duas derrotas seguidas, Pedro Solberg e Evandro conseguiram se recuperar no momento decisivo do Grupo A do vôlei de praia e garantiram a classificação. Empurrados pela torcida na Arena de Copacabana, a dupla brasileira venceu Aleksandrs Samoilovs e Janis Smedins, da Letônia, por 2 sets a 1 (21/16, 20/22 e 15/7) e avançaram na segunda colocação da chave, no critério de desempate.

Como Brasil, Canadá e Letônia empataram com quatro pontos, o desempate passou a ser no saldo de pontos. A vitória apertada brasileira levou Pedro Solberg e Evandro para +10, suficiente para a classificação. Os canadenses ficaram com saldo -2, enquanto os letões fecharam com -11.

Os adversários de Pedro Solberg e Evandro nas oitavas de final serão conhecidos depois da repescagem, que será realizada ainda na noite desta quinta-feira (11). As quatro piores duplas terceiras colocadas em suas chaves se enfrentarão por duas vagas no mata-mata. Os confrontos de oitavas de final serão definidos por sorteio.

Pedro Solberg (à esquerda) e Evandro comemoram (Crédito: Getty Imagens)
Pedro Solberg (à esquerda) e Evandro comemoram (Crédito: Getty Imagens)


O JOGO

Após um início empolgante abrindo três pontos de vantagem, Pedro Solberg e Evandro permitiram a reação dos letões, que assumiram a liderança do marcador em 12-11. E o equilíbrio se manteve até a parte final da parcial, quando Pedro fez a diferença. O brasileiro anotou três dos quatro últimos pontos, que ajudaram a fechar o set em 21 a 16.Tranquilos após a vitória no primeiro set, os brasileiros passaram a controlar o ritmo do jogo. Logo no início da segunda parcial, Pedro e Evandro já venciam por quatro pontos de diferença: 7 a 3.

Com mais uma boa atuação de Solberg, a vantagem confortável foi sendo controlada até o meio do set. Nesse momento, no entanto, os letões conquistaram quatro pontos consecutivos e empataram a parcial: 12 a 12.Foi nesse momento que os letões ficaram à frente no placar pela primeira e única vez no set. Ao abrir dois pontos de vantagem novamente, Evandro se empolgou e começou a pedir para a torcida gritar. O apoio, no entanto, não foi suficiente para impedir um novo empate letão.

A igualdade empolgou Samoilovs/Smedins, que voltou a ficar à frente no placar. Na segunda chance que teve de fechar o set, os letões não desperdiçaram e empataram o jogo: 22/20.No último set, não havia meio-termo: venceu se classifica, perdeu é eliminado. E foi a primeira opção reservada para os brasileiros. Depois de mais um bom início de parcial, o saque de Evandro foi fundamental para não permitir a reação letã. Os brasileiros fecharam em 15/7, e o jogo em 2 sets a 1.Na estreia contra os canadenses, Aleksandrs Samoilovs foi adotado pela torcida brasileira.

Por causa de seus cabelos compridos, o jogador recebeu o apelido de “Biro-Biro”, em referência ao ex-jogador de futebol brasileiro. A cada ponto que fazia, Samoilovs levava o público ao delírio.Contra Pedro Solberg e Evandro, no entanto, não teve graça. A torcida não quis nem saber do “Biro-Biro” e apoiou o tempo todo a dupla brasileira, com direito a vaias aos letões.

Fonte: UOL