Primeiro ouro do atletismo no Rio tem recorde mundial quebrado

Antigo recorde mundial perdurava desde 1993

Saiu o primeiro ouro do atletismo na Rio-2016, a etíope Almaz Ayana simplesmente quebrou o recorde mundial na prova dos 10 mil metros rasos que durava havia quase 23 anos, nesta sexta-feira (12), no Engenhão.

A atleta de 24 anos, atual campeã mundial dos 5 mil metros, ganhou com o tempo de 29min17s45, enquanto a melhor marca anterior, da chinesa Junxia Wang (obtida em setembro de 1993), era de 29min31s78.

A medalha de prata ficou com a queniana Vivian Cheruiyot (29min32s53), e bronze foi para outra etíope, Tirunesh Dibaba, 29min42s56.

Ainda neste primeiro dia de atletismo nos Jogos Olímpicos haverá mais medalhas nos 20km da marcha atlética masculina e no arremesso de peso feminino.

Ayana Almaz bateu o recorde mundial e foi ouro nos 10 mil metros (Crédito: Getty)
Ayana Almaz bateu o recorde mundial e foi ouro nos 10 mil metros (Crédito: Getty)


Fonte: Com informações da Espn