Pacquiao desbanca Ríos e conquista primeira vitória após nocaute em 2012

Diante de uma plateia de 13 mil pessoas na Arena Cotai, no Venetian Resort Hotel, o filipino de 34 anos venceu a disputa contra o algoz americano

A luta de ?Davi contra Golias? de Manny Pacquiao terminou exatamente como a famosa passagem bíblica. O pugilista filipino, que não lutava desde que foi nocauteado pelo mexicano Juan Manuel Márquez, há quase um ano, conseguiu desbancar o ?gigante? Brandon Ríos e faturou o cinturão dos meio-médios da Organização Mundial de Boxe (WBO) na virada deste sábado para domingo, em Macau, na China.

Diante de uma plateia de 13 mil pessoas na Arena Cotai, no Venetian Resort Hotel, o filipino de 34 anos venceu a disputa contra o algoz americano de 27 anos após uma decisão unânime dos juízes depois de 12 rounds.



Após sustentar sete anos de invencibilidade, o ?Pac-Man? vinha de duas derrotas seguidas nos meio-médios. A primeira foi para o americano Timothy Bradley, em junho de 2012. Pacquiao chegou a cogitar uma revanche, mas preferiu enfrentar Juan Manuel Márquez pela quarta vez. No confronto, realizado em dezembro, o mexicano levou o filipino à lona com um direto de direita a um segundo do fim do sexto round.

O filipino depositou as esperanças de reerguer a carreira em uma vitória sobre Brandon Ríos. Abalado pela tragédia provocada pelo supertufão Haiyan, que pode ter matado mais de 10 mil pessoas nas Filipinas, Pacquiao dedicou a vitória aos compatriotas que foram vítimas de uma das piores tragédias naturais dos últimos anos.

Com David Beckham na torcida, o ?Pac-Man? não conseguiu o almejado nocaute, mas a superioridade exibida durante todo o confronto foi mais que suficiente para fazer a plateia vibrar a cada soco do ?Davi? dos ringues. Pacquiao soma agora 62 lutas, com 55 vitórias, sendo 38 por nocaute, além de cinco derrotas e dois empates. Ríos tem 34 lutas, sendo 31 vitórias - 23 por nocaute -, duas derrotas e um empate.



Fonte: GloboEsporte