Palmeiras age contra advogado acusado de sumiço de dinheiro

No início deste mês, conselheiros fiscais do Palmeiras pediram a Tirone que destituísse Renzo do quadro de advogados do clube.

O presidente do Palmeiras, Arnaldo Tirone, enviou uma carta ao advogado e conselheiro do clube Pedro Renzo pedindo a entrega dos processos ligados ao clube. O dirigente pretende transferir esses processos para outro advogado, uma vez que Renzo está envolvido em um suposto sumiço de dinheiro da agremiação.



Ainda de acordo com o texto, o presidente palmeirense tem sido cauteloso nesse processo. "Não posso ser irresponsável e tirar de uma vez todos os processos. Há ações com valores muito altos e não podemos perder dinheiro", diz Tirone.

No início deste mês, conselheiros fiscais do Palmeiras pediram a Tirone que destituísse Renzo do quadro de advogados do clube. Renzo foi quem elaborou o novo contrato palmeirense com a empresa WTorre, responsável pela construção da Arena Palestra, mas teve seu nome envolvido em um sumiço de dinheiro do clube.

Fonte: Folha.com