Palmeiras joga mal, contudo arranca vitória do Criciúma no fim da partida

Dessa forma, o time alviverde soma os três primeiros pontos em seu retorno à Série A do Campeonato Brasileiro

a para ser uma noite infeliz para o Palmeiras, já que o time jogou muito mal contra o Criciúma, sofreu um gol no começo e foi salvo pelo goleiro Fernando Prass em vários lances. Porém, no final do jogo, Leandro e Alan Kardec fizeram um gol cada e decretaram a vitória por 2 a 1, mesmo fora de casa. Dessa forma, o time alviverde soma os três primeiros pontos em seu retorno à Série A do Campeonato Brasileiro, enquanto o time catarinense é um dos seis que não pontuaram na primeira rodada.

O Palmeiras até começou o jogo tomando mais iniciativa, mas um lance de bola parada colocou o Criciúma em vantagem no começo: após cobrança de Paulo Baier, a bola foi desviada por Alan Kardec e entrou no canto do gol. O juiz deu o gol para o meia do Criciúma.

Na sequência, Marcelo Oliveira cometeu dois erros que complicaram o Palmeiras: primeiro ele teve grande chance de fazer um gol, após lance de bola parada, mas chutou para longe; depois, o volante recuou errado para Fernando Prass, que perdeu a dividida com Silvinho, mas Tiago Alves voltou a tempo de salvar o segundo gol do Criciúma.

Aos poucos o Palmeiras voltou a ter mais posse de bola, mas estava exagerando na pressa - abusava dos cruzamentos para área, errava os últimos passes e chutava sem ter espaço, por isso não conseguiu chegar perto do empate. Faltava também encaixar contra-ataques para pegar a defesa do Criciúma, tão recuada, desprevenida em algum momento.

Kleina fez logo duas substituições no intervalo - entraram Wesley e Leandro nos lugares de Marcelo Oliveira e Marquinhos Gabriel, respectivamente. Mas o Palmeiras continuou a cometer muitos erros de passe e deixar espaços na defesa, principalmente no lado esquerdo.

Foi por lá que surgiram duas chances para Eduardo: primeiro Serginho deixou ele na cara do gol, mas Prass fez incrível defesa; depois ele driblou dois jogadores, mas chutou em cima do goleiro. No escanteio ainda houve um bom cabeceio de Fábio Ferreira, mas outra vez Prass salvou. No meio dessa pressão do Criciúma houve também um lance polêmico, em que o Criciúma reclamou de pênalti de Tiago Alves.

Nos últimos dez minutos o Palmeiras começou a fazer uma pressão no Criciúma, o que deu resultado aos 37min: Leandro resolveu arriscar da entrada da área e, assim como no gol do Criciúma, contou com um desvio no caminho para balançar a rede. O lance abalou o time da casa, que tomou o segundo gol por desatenção: Alan Kardec ficou sozinho na área e subiu para cabecear firme e decretar o placar final.

Fonte: Terra