Palmeiras pressiona, mas perde chances e só empata contra lanterna

Palmeiras pressiona, mas perde chances e só empata contra lanterna

Leandro foi a campo no intervalo e marcou já aos 4min de jogo

Depois de um primeiro tempo bastante ruim, o Palmeiras evoluiu nos 45 minutos finais, empatou e até teve grandes chances de virar, mas deixou o domingo com só um ponto. Diante do lanterna São Caetano e chuva no Estádio Anacleto Campanella, a equipe palmeirense ficou em um frustrante 1 a 1. Kleber, que segue sem marcar, e Leandro, que até fez o gol, foram os responsáveis por perder as melhores ocasiões.

Com 20 pontos após 12 jogos disputados, o Palmeiras continua na sétima posição do Campeonato Paulista e frustra a expectativa de crescer na tabela de classificação. Pior, muito pior, é a situação do São Caetano, que perdeu o treinador Geninho no início da semana e recolocou Aílton Silva no cargo. O time do ABC Paulista é último com seis pontos.

O Palmeiras terá nova chance de subir na tabela na próxima quarta-feira, no Pacaembu, contra o Botafogo-SP, que tem 21 pontos. Já o São Caetano irá buscar a reabilitação novamente no Anacleto Campanella, quinta, diante do Ituano.

Empate debaixo de chuva no ABC Paulista



Sem o lesionado Valdivia e com Wesley, mas na tentativa de dar sequência à equipe, Gílson Kleina teve dificuldades com o Palmeiras nesta tarde de domingo. Na primeira metade em São Caetano do Sul, os palmeirenses até tiveram bons momentos, como no início, quando Vinícius fez boa jogada pela ponta esquerda e serviu Kleber, que parou no goleiro Fábio. O resultado, porém, não veio.

Pareceu estar perto aos 26min, quando Kleber sofreu pênalti e Henrique teve a chance de abrir o marcador. A cobrança, porém, não foi no gol, e as coisas só pioraram na sequência. Aos 41min, Eder ganhou de Weldinho e arriscou de fora - Henrique encobriu a visão de Fernando Prass, que ficou pregado no chão e viu a bola morrer no fundo da rede.

Leandro, pedido pelos torcedores, entrou no intervalo e justificou os apelos. Lançado no lugar de Vinícius, ele se aproveitou de grande jogada de Wesley para empatar aos 4min. O meia, substituto de Valdivia, recuperou a bola após vacilo de Rivaldo, ganhou na velocidade e só rolou para Leandro, com o gol vazio, igualar. O Palmeiras por pouco não virou no instante seguinte: Patrick Vieira fez bom lance e serviu Kleber que, com espaços, cabeceou nas mãos de Fábio.

Com Tiago Real de volta à equipe após muito tempo lesionado, o Palmeiras manteve o fôlego e buscou mais o ataque no Anacleto Campanella. O gol da vitória, entretanto, não aconteceu. A melhor oportunidade veio com Leandro que, com enorme espaço no contragolpe, recebeu lançamento de Tiago, mas adiantou no domínio e foi parado pelo goleiro Fábio.

Fonte: Terra