Verdão só empata e causa ira de torcedores

Um grupo de uma torcida organizada esperou a saída dos jogadores para cobrar melhores resultados

O empate de 2 a 2 com o Sport, primeira equipe a ser rebaixada nesta edição do Brasileiro, não foi bem recebido pela torcida palmeirense que esteve na noite desta quarta-feira, no Palestra Itália. Segundo testemunhas ouvidas pelo GLOBOESPORTE.COM, os jogadores do Alviverde tiveram dificuldades para deixar o estádio em seus carros ou táxis.

Um grupo de uma torcida organizada esperou a saída dos jogadores para cobrar melhores resultados na competição. Ao verem os atletas, latas e pedras voavam em direção aos carros. Nem mesmo o goleiro Marcos, ídolo maior do clube, foi poupado dos ataques. O carro do presidente Luiz Gonzaga Belluzzo também foi alvo da ira dos torcedores nos arredores do estádio. De acordo com a segurança do Palmeiras, a situação só foi controlada com a chegada da Polícia Militar.

O Palmeiras conseguiu empatar a partida em 2 a 2 depois de estar perdendo por 2 a 0. O resultado colocou o time novamente na primeira posição, com 59 pontos, ao lado do São Paulo. No entanto, a equipe alviverde pode fechar a rodada até mesmo na quarta posição, pois os concorrentes pelo título só jogam no fim de semana. Além do Tricolor Paulista, que recebe o Vitória no Morumbi, Flamengo e Atlético-MG podem ultrapassar o time do Palestra Itália.

Na tarde desta quinta-feira, o Palmeiras se reapresenta para os treinos, já visando a partida contra o Grêmio, na próxima quarta, no Olímpico.

Fonte: Globo Esporte, www.globoesporte.com