Pato acionda seus advogados após atrasos do Corinthians

O contrato dele com o Tricolor termina em dezembro.


O Corinthians deve parte dos salários de Alexandre Pato, e a questão pode acabar na Justiça. Incomodado com o atraso, o empresário do jogador, Gilmar Veloz, acionou seu advogado para cobrar o clube alvinegro. A pendência já se arrastaria há sete meses, informação não confirmada pelo agente.

Pato foi emprestado pelo Corinthians para o São Paulo no início do ano passado. O contrato dele com o Tricolor termina em dezembro. Depois disso, o atacante ainda terá mais um ano de vínculo com o Timão.

Pelo acordo entre Corinthians e São Paulo, os vencimentos do atleta, estimados em R$ 800 mil mensais, são divididos pelos dois clubes. O Tricolor ainda paga os encargos da CLT, enquanto o Timão teria de pagar também o aluguel do imóvel onde o jogador mora na capital paulista. 

"O advogado é que vai ver o que será feito daqui para frente. Qualquer coisa que venha a ser falada agora é prematura, está errada", afirmou Veloz.

Nesta quarta-feira, em entrevista ao "Seleção SporTV", o presidente do Corinthians, Roberto de Andrade, admitiu que o clube deve a alguns jogadores. Ele não citou nomes, mas afirmou que pretende quitar todas as pendências ainda neste mês de abril.

O São Paulo observa o caso à distância. O clube já deixou claro que tem todo o interesse em contratar o jogador em definitivo, mas vai esperar o final do empréstimo para negociar com o Corinthians. Hoje, a multa está estipulada em 10 milhões de euros. O São Paulo acredita ser possível contratar o jogador por cinco a seis milhões de euros no fim do ano.

Pato está cada vez mais adaptado ao time do Morumbi. Atualmente, é o artilheiro da equipe na temporada, com oito gols, e virou titular inquestionável com o técnico Muricy Ramalho. Ele tem presença garantida na partida desta quarta-feira, contra o San Lorenzo, pelo grupo 2 da Taça Libertadores da América.

Fonte: Globoesporte