Pelé critica Neymar por cair em campo e só jogar pela esquerda

Rei do Futebol analisa derrota do Brasil para o México como "bom teste".

Em visita ao Museu do Futebol, em São Paulo, Pelé comentou a atuação da seleção brasileira na derrota por 2 a 0 para o México, no último domingo, nos Estados Unidos, e revelou ter detectado vícios no futebol de Neymar. O Rei criticou o posicionamento do atacante santista de forma excessiva pelo lado esquerdo do campo e apontou como desnecessárias as sucessivas quedas do jogador quando atingido por adversários.


Pelé critica Neymar por cair em campo e só jogar pela esquerda

- (Neymar) é um excelente jogador do ponto de vista técnico, mas pegou um vício de jogar só como ponta esquerda. Isso dificulta um pouco para ele. Acho que um jogador com a habilidade do Neymar a gente tem que trabalhar, falar com o Muricy, para tirar esse vício. Tirar esse vício do Neymar de, em todas a jogadas, todas as vezes em que entra jogador nele, ele se jogar, querer fazer a coisa mais drástica. É uma coisa que não é boa para ele - disse o Rei ao "SporTV News".

Pelé afirmou encarar o revés do Brasil para o México, após duas vitórias contra Dinamarca e Estados Unidos, como um resultado aceitável, mas revelou preocupação em relação à capacidade de reação da Seleção.

- Gostaria de ver essa Seleção jogando atrás, começando tomando um gol, para ver a reação da equipe. Por coincidência, contra o México, que é uma equipe boa, o time tomou um gol e já foi difícil, não foi igual aos dois primeiros jogos - afirmou Pelé, revelando otimismo em seguida.

- Mas eu acho que isso é bom, é um bom teste, a equipe é boa, são bons jogadores. É preciso ter esses choques de vez em quando para se preparar melhor.

O Rei afirmou estar tranquilo em relação à qualidade dos atletas que Mano Menezes possui à disposição para equipar a Seleção. Ele disse, no entanto, que o Brasil costuma ter problemas na preparação de sua equipe.

- O problema do Brasil nunca foi de jogadores, porque os melhores do mundo estão na Europa, são brasileiros. Nosso problema sempre foi de conceito, de treinar, de tempo para preparar uma equipe e de paciência para esperar os resultados. Acho que a derrota não significa muito, a equipe é boa, tem que insistir no conjunto da equipe. Eu confio muito no Brasil.

Fonte: sportv.globo.com