Pelé não é católico e nem foi no enterro da filha, dispara Romário

Pelé não é católico e nem foi no enterro da filha, dispara Romário

Romário havia usado, recentemente, sua famosa frase para criticar Pelé

A briga entre Romário e Pelé chegou nesta quinta-feira a mais um round polêmico. Ao saber que, durante um evento em São Paulo, o Rei chamou-o de ignorante, Romário partiu para o ataque.

- Quem é o Pelé para chamar alguém de ignorante? Antes, eu dizia que ele, calado, era um poeta. Agora, eu digo que ele é apenas um boçal - disse, em entrevista.

Romário havia usado, recentemente, sua famosa frase para criticar Pelé, que defendia que a base da seleção brasileira fosse formada por jogadores do Corinthians. Nesta quinta-feira, Pelé deu o troco que originaria o novo mal-estar:

- Ele fica falando porque não sabe muito bem o que quer. Sempre fui muito católico, e Deus dizia que perdoava os ignorantes. Então, eu também perdoo os ignorantes - disse Pelé.

Romário não engoliu a ofensa. Chegou a lembrar de Sandra Regina, a filha de Pelé falecida em 2006, que travou uma batalha de 30 anos para que a paternidade fosse reconhecida.

- Pelé não é católico, não. Ele não assumiu nem a filha que teve. Isso não é papel de um pai católico. Ele nem foi no enterro da filha. Pelé tem que se olhar espelho. Ele está enganado em relação a quem é ignorante. Tanto que o time que ele quer que seja a base da seleção estava bem representado no Mineirão, empatou com o Chile e ganhou a maior vaia da história. Eu é que sou ignorante? - atacou Romário.

O ex-jogador e deputado não assistiu ao amistoso da seleção com o Chile. Mas leu o noticiário sobre as vaias a Neymar e deu-lhe um conselho:

- O futebol é isso aí. Tudo vai cair na conta dele, como já caiu na minha e na do Ronaldo. Neymar tem que ter inteligência e sair de perto do Pelé - encerrou.

Fonte: Extra