Petkovic pediu vitória para o amigo Adriano: "Ele nos deu a chance de disputar o título"

Adriano sempre destacou o bom relacionamento dele com os jogadores

Se há dúvida da devoção e do carinho que o grupo do Flamengo tem por Adriano, a corrente antes do jogo contra o Corinthians, em Campinas, serve como prova final. Fora da partida por causa de uma queimadura no pé esquerdo, o Imperador ficou no Rio de Janeiro. Mas não foi esquecido.

Ao pedir a palavra, Petkovic foi contundente no apoio e na luta que a equipe deveria ter para que a culpa por um possível fracasso não recaísse sobre o ausente.

- Vamos jogar por nossas famílias e por um amigo, um irmão nosso que não está presente, mas ajudou muito com seus 19 gols. Ele nos deu a oportunidade de brigar pelo título. E nós vamos dar essa vitória para o Adriano, para que ele não seja culpado porque não entrou em campo. Ele deu a alma por esse grupo e nós vamos mostrar a força para o nosso irmão ? disse Pet.

Apesar de reconhecer que tem regalias no Flamengo, Adriano sempre destacou o bom relacionamento dele com os jogadores. O que de fato acontece. No dia a dia, o atacante não se coloca em patamar superior a ninguém. Trata todos da mesma forma e aceita as brincadeiras tranquilamente.

Recuperando-se da lesão no pé, o jogador avisou que não há chance de ficar fora do próximo jogo:

- Estou dentro.

Na liderança do Campeonato Brasileiro, com 64 pontos, o Flamengo enfrenta o Grêmio no próximo domingo, às 17h (de Brasília), e precisa de uma vitória simples para ser campeão.

Fonte: Globo Esporte, www.globoesporte.com