Polêmica: Atacante do Newcastle posa para foto com uma pistola

Polêmica: Atacante do Newcastle posa para foto com uma pistola

Com 15 anos de idade, Nile Ranger teve de ficar 11 meses no reformatório, acusado por um assalto

O atacante Nile Ranger, do Newcastle, causou polêmica no Reino Unido ao posar para uma foto segurando uma pistola. O jogador de 20 anos foi prontamente questionado pelo clube e afirmou que a arma em questão era uma réplica. O atleta, ex-membro de uma gangue londrina, alegou estar arrependido de ter feito a imagem.

A diretoria do Newcastle, que o tirou do crime em 2008, ficou desapontada, mas, ao que tudo indica, perdoou o atacante.

- O clube conversou com Nile e confirmou que o item era uma réplica, que não poderia machucar ninguém. Ele está arrependido pela foto, que foi tirada pela namorada em casa - disse um porta voz do clube ao "The Sun".

Com 15 anos de idade, Nile Ranger teve de ficar 11 meses no reformatório, acusado por um assalto.

- Eu comecei em uma gangue. Planejamos um assalto. Tínhamos uma arma, mas não usamos. A cadeia foi dura comigo, mas aprendi muito. A coisa mais importante que aprendi é que nunca quero voltar lá. O Newcastle mudou minha vida.

A representante do movimento "Mães contra a Violência", Patsy McKie, que teve um filho baleado em Manchester recentemente, criticou o jogador.

- Jogadores de futebol são exemplos para garotos mais jovens. Ele provavelmente achou que seria divertido, mas armas acabam com as vidas das pessoas.



Fonte: Globo Esporte, www.globoesporte.com