Portugal aposta em ressurreição de Cristiano Ronaldo na Euro

Portugal aposta em ressurreição de Cristiano Ronaldo na Euro

A torcida portuguesa espera que Cristiano Ronaldo volte a ser decisivo e mantenha a inspiração exibida contra a Holanda

Nesta quinta-feira, Portugal e República Tcheca abrem as quartas de final da Eurocopa-12. Em Varsóvia (Polônia), os portugueses apostam na ?ressurreição? de Cristiano Ronaldo para chegar pela terceira vez à semifinal nas quatro últimas edições do torneio. Já os tchecos tentam provar sua força em seu primeiro teste ?para valer?, pois até agora não enfrentou seleções consideradas favoritas ao título.

A torcida portuguesa espera que Cristiano Ronaldo volte a ser decisivo e mantenha a inspiração exibida contra a Holanda, quando fez os gols da vitória por 2 a 1. Contra Alemanha e Dinamarca, ele teve desempenho discreto e foi criticado. A República Tcheca faz o jogo de empurrar o favoritismo para Portugal, que tenta evitar a euforia. O técnico Paulo Bento prega humildade: ?Se perdermos um por cento dela, teremos muito mais dificuldades?.

Portugal sobreviveu ao ?grupo da morte? e terminou na segunda posição do grupo B. A República Tcheca foi a melhor seleção do grupo A, mesmo tendo sido goleada pela Rússia por 4 a 1 na estreia. Para o jogo, os portugueses terão força máxima; já os tchecos podem sofrer o desfalque do meia Tomas Rosicky, que sentiu dores no tendão de Aquiles.

O duelo reúne duas seleções que nunca foram campeões da Eurocopa. Elas foram, no máximo, vice-campeãs: os tchecos perderam para a Alemanha por 2 a 1 em 1996, enquanto os portugueses foram derrotados pela Grécia em 2004.

No torneio continental, tchecos e portugueses já se enfrentaram duas vezes e cada lado venceu uma vez. A República Tcheca ganhou por 1 a 0 em 1996, quando eliminou o adversário exatamente nas quartas de final; na última Euro, em 2008, Portugal deu o troco e bateu o rival por 3 a 1 na fase de grupos. O vencedor do duelo desta quinta encara Espanha ou França nas semifinais.

Fonte: UOL