Possível rival de Anderson Silva diz não ter medo do brasileiro

Possível rival de Anderson Silva diz não ter medo do brasileiro

A derrota do cubano Hector Lombard para Tim Boetsch o credenciou ainda mais e agora, ele só pensa no duelo contra o brasileiro

O norte-americano Chris Weidman venceu a luta contra Mark Muñoz e ganhou pontos importantes para ser o próximo desafiante de Anderson Silva. A derrota do cubano Hector Lombard para Tim Boetsch o credenciou ainda mais e agora, ele não pensa em outra coisa a não ser o duelo contra o brasileiro.

Em entrevista a revita Fighters Only, Weidman foi longe demais e fez uma comparação um tanto quanto exagerada. "Há um ano e meio, morava no porão da casa dos meus pais. Fiz cinco lutas pelo UFC, venci todas e derrotei dois dos cinco melhores da categoria. É quase um roteiro de Rocky Balboa", afirmou o peso médio, referindo-se ao personagem de Silvester Stallone no cinema.

"Agora, tenho a oportunidade de lutar pelo cinturão. O UFC pode definitivamente fazer um enredo interessante para o público", prosseguiu.

De fato, o americano tem uma carreira promissora. Fez nove lutas e venceu todas. No entanto, os últimos lutadores que enfrentaram Anderson Silva não guardam boas lembranças, principalmente o falastrão Chael Sonnen. Para Weidman, os rivais do brasileiro não estavam a sua altura.

"Estou indo lá para vencê-lo. Sei que provei meu potencial e estou indo lá para acabar com ele. Não é específico contra o Anderson Silva. Em todas as minhas lutas, entrei para ganhar, mas acredito que noventa por cento dos que enfrentaram o Spider chegaram lá com medo dele. Eu não o temo", confirmou.

Fonte: UOL