Badalados Liedson e Adriano viram preocupação para o Timão

Ter os experientes e badalados Liedson e Adriano como seus centroavantes em 2012 pode não ser o bastante para o Corinthians


Preocupado com Liedson e Adriano, Timão observa atacantes no mercado

Ter os experientes e badalados Liedson e Adriano como seus centroavantes em 2012 pode não ser o bastante para o Corinthians. Por motivos diferentes, os jogadores estão na mira da comissão técnica e da diretoria. As dúvidas que cercam os goleadores fizeram o Timão voltar seus olhares para as opções disponíveis no mercado. A busca ainda é tímida, mas os dirigentes não descartam uma nova aquisição para reforçar o elenco, principalmente na Taça Libertadores.

A preocupação com Liedson é pelo condicionamento físico. O Levezinho encerrou 2011 com muitas dores musculares e um antigo desconforto no joelho esquerdo, operado três vezes desde o início da carreira. Apesar de ter sido o artilheiro da equipe na temporada, com 23 gols, o baiano naturalizado português necessitava de um trabalho especial para atuar regularmente.

Sem férias desde o ano passado, quando atuou pelo Sporting-POR e pela seleção portuguesa na Copa do Mundo da África do Sul, o jogador acredita que estará bem com os 30 dias de repouso até a reapresentação do elenco, em 4 de janeiro, no CT Joaquim Grava. Mesmo assim, o veterano de 34 anos continuará sendo monitorado pelo corpo clínico do Timão. A tendência é que seja até poupado de algumas rodadas do Paulistão para se preservar para a Libertadores.

Já Adriano ainda é cercado de muita desconfiança. A lesão no tendão do pé esquerdo e a demorada recuperação permitiram que ele atuasse apenas quatro vezes no Brasileirão, marcando somente um gol. As férias, aliás, serão determinantes no futuro dele no clube. Depois de alguns deslizes no período inativo, a direção não está disposta a aceitar uma reapresentação em condições ruins.

O Imperador recebeu do departamento físico uma cartilha de como se comportar nas férias. Acima do peso, ele teve recomendações do que comer neste período e até uma série de exercícios para não ganhar mais quilos, supervisionada pelo fisioterapeuta Bruno Mazziotti. Entretanto, os trabalhos previstos para a segunda semana de dezembro ainda não começaram.

O Corinthians, inclusive, decidiu aguardar para conversar sobre a renovação de contrato. O clube gostaria de iniciar as negociações em dezembro, mas recuou em decorrência do fraco rendimento do atacante no Brasileirão. Adriano tem um dos maiores salários do elenco e só continuará no clube se subir muito de produção no primeiro semestre. O vínculo dele vai até 30 de junho.

Por enquanto, o Corinthians não passou da fase de levantar informações sobre outros jogadores. A direção tenta encontrar alternativas para não gastar muito. Nessa filosofia encaixa-se Welliton, do Spartak Moscou-RUS. Revelado pelo Goiás, o jogador foi bem recomendado pelo meia Alex, ex-companheiro dele na Rússia.

A dificuldade está em conseguir a liberação. O atacante tem contrato até o meio de 2012 e o clube europeu não aceita abrir mão do vínculo sem uma compensação. Outro nome que agrada é o de Elton, do Vasco. O centroavante está emprestado até o fim de 2011, mas o grupo de investidores dono dos direitos dele tem como prioridade a venda.


Preocupado com Liedson e Adriano, Timão observa atacantes no mercado

O Corinthians, aliás, vai apostar em um centroavante que sofreu com a cobrança da torcida em 2010. Bill, destaque do Coritiba na temporada, vai iniciar o novo ano com o grupo do Timão. Se for aprovado por Tite, continuará no clube.

Fonte: Globo Esporte