Preocupado com o Chelsea, diretor do PSG nega o bônus de R$ 3,2 milhões

Jean Claude Blanc se irrita com boato de prêmio milionário aos atletas em caso de título europeu: "Nossos jogadores não precisam de dinheiro

Um dos novos ricos do futebol europeu, o Paris Saint-Germain não abrirá tanto assim seu cofre caso seja campeão europeu, de acordo com o diretor geral do clube, Jean Claude Blanc. O dirigente se irritou com o boato de que os atletas receberiam um bônus de ? 1 milhão (R$ 3,2 milhões) em caso de título europeu.

- Estes valores são totalmente falsos. Os nossos jogadores não precisam de dinheiro para ter motivação, e a nossa temporada fala por nós. Estamos na disputa da Liga dos Campeões, da Copa da Liga e do Campeonato Francês - disse à "Sky Sports Italia".

Blanc também comentou o sorteio das quartas de final da Liga dos Campeões, que colocou no caminho do PSG o Chelsea, de José Mourinho. Blanc se mostrou um pouco preocupado com o fato dos Blues jogarem a partida de volta em Stamford Bridge, embora tenha mostrado confiança e até mesmo traçado uma estratégia de jogo: tentar sair em vantagem em Paris

- Temos de nos manter concentrados neste final de temporada. A Liga dos Campeões é determinante para este clube, que quer continuar dando um salto de qualidade. Estamos construindo um grande clube, fantástico a nível mundial. E seria fundamental para nós ultrapassar o Chelsea. Vamos tentar vencer em casa com um grande resultado no Parque dos Principes e depois tentar ir a Londres segurar um resultado.

O Paris Saint-Germain recebe o Chelsea no Parc des Princes no dia 2 de abril, enquanto o jogo de volta será realizado no dia 8, no Stamford Bridge.

Fonte: GloboEsporte.com