Presidente do Bota obriga primo a se desculpar com vascaínos

Presidente do Bota obriga primo a se desculpar com vascaínos

O alvinegro o obrigou a pedir desculpas por ter provocado jogadores no Vasco na saída do vestiário.

Uma cena inusitada marcou a comemoração do título da Taça Guanabara pelo Botafogo. O presidente Maurício Assumpção parou seus festejos para levar, pessoalmente, o primo até a diretoria vascaína. O alvinegro o obrigou a pedir desculpas por ter provocado jogadores no Vasco na saída do vestiário.

- Você vai pedir desculpas! Vai dizer que está envergonhado pelo que fez - disse Maurício ao parente enquanto o levava até o vestiário vascaíno.

Assim que a partida terminou, o primo de Maurício foi autorizado, junto a outros torcedores, a ingressar no gramado do Engenhão para comemorar a vitória. Na escada que dá acesso ao campo, ele cruzou com jogadores do Vasco e os provocou. Os cruzmaltinos se irritaram e Alessandro chegou a respondê-lo. Só não houve briga porque seguranças controlaram o goleiro.


Presidente do Botafogo obriga primo a se desculpar com vascaínos

A diretoria cruzmaltina tomou conhecimento de que o torcedor em questão era primo de Maurício e fez sua insatisfação chegar ao presidente alvinegro. Por isso, Maurício teve que interromper os festejos para dar uma lição no primo e solucionar o mal-entendido.

Fonte: Extra