Preterido, Muricy diz ter paciência e que voltará um dia ao São Paulo

Em entrevista ao programa Esporte Fantástico, da TV Record, o treinador afirmou que esperava um chamado do clube, após a demissão de Ney Franco.

O São Paulo já tem novo técnico trabalhando. Desde quinta-feira, Paulo Autuori é o comandante do time. Mesmo assim, Muricy Ramalho, pedido pela torcida, mas preterido pela diretoria do clube, diz que voltará ao clube. Em entrevista ao programa Esporte Fantástico, da TV Record, o treinador afirmou que esperava um chamado do clube, após a demissão de Ney Franco.

?É um dos objetivos que tenho voltar. Eu estou com cabeça igual quando sai. Eu vou vir forte um dia. Tenho paciência de esperar e vou vir forte?, afirmou Muricy Ramalho, que conquistou três títulos do Campeonato Brasileiro no clube.

O técnico admitiu uma mágoa por não ter sido procurado pelas dirigentes são-paulinos. ?A gente sente um pouco, sim. Mas é assim, é do futebol, é normal isso. As vezes me escolhem, as vezes escolhem outro?, disse.

Desempregado desde o mês passado, quando foi demitido pelo Santos, o técnico contou alguns detalhes da sua saída do clube. Conforme já havia sido revelado pelo UOL Esporte, Muricy foi dispensado por telefone.

?Eu estava chegando em São Paulo. Eu estava morto naquele dia. Ligaram para o Marcio Rivelino, meu empresário, não para mim e avisaram. Eu não tive chance de abraçar as pessoas, de me despedir?, afirmou.

Fonte: UOL