Professora teresinense será Juiz de Linha nas Olimpíadas 2016

O comunicado oficial foi enviado pelo COI

A professora Rosana Rodrigues Leal graduada em Educação Física, e lotada na Divisão de Esporte na Gerencia de Assistência ao Educando da Secretaria Municipal de Educação (Semec), foi convocada para atuar como Juiz de Linha do Badminton, nos Jogos Olímpicos Rio 2016, após ter feito curso e participado de 3 eventos internacionais, que eram critérios obrigatórios para concorrer a uma das 50 vagas para atuar nas Olimpíadas 2016.

O comunicado oficial foi enviado pelo Comitê Organizador das Olimpíadas, após a professora Rosana ter participado da última avaliação, na 31ª Edição do Brasil Internacional Badminton Cup. A qualificação é a condição básica para atuar nos Jogos Olímpicos Rio 2016.

Após se especializar na modalidade, Rosana já atuou em diversas competições, das quais, destaque especial para o II Yonex Brasil Grand Prix de Badminton, que serviu também como evento teste da modalidade e onde estiveram presentes atletas internacionais de grande destaque como Lin Dan da China e Pablo Abian da Espanha, que foram finalista no Simples Masculino.

Rosana comemorou a convocação “Atuar como Juiz de Linha nos Jogos Olímpicos Rio 2016 significa o ponto auto da carreira de qualquer professor de Educação Física apaixonado por esportes, por termos a ambição de participar em olimpíadas, seja como atleta, técnico ou árbitro. Esta em especial, pois acontecerá em nosso país e aumenta nossa responsabilidade e também orgulho, pois queremos representar o Brasil da melhor forma possível, e para isso estou me empenhando bastante”, diz.

Ao todo foram convocados 50 juízes nacionais e virão 30 de outros países. O evento será organizado pela Federação Mundial de Badminton (BWF), Comitê Olímpico Brasileiro (COB), com apoio da Confederação Brasileira de Badminton (CBBd).

O Badminton é uma das modalidades em disputa nos Jogos do Rio 2016. Durante a realização da 1ª Etapa Nacional de Badminton, em Niterói, no Rio de Janeiro, em 2014, a Confederação Brasileira de Badminton (CBBd) organizou um Curso Internacional de Formação de Juízes de Linha, realizado pela Pan AM e BWF, com os tutores Shirly Gabay e Jean-Guy, com o objetivo de preparar Juízes de Linha nacionais.


Piauiense será juiza nos jogos olimpicos (Crédito: Reprodução)
Piauiense será juiza nos jogos olimpicos (Crédito: Reprodução)


Fonte: Portal Meio Norte