Provocada, britânica se irrita: "não levanto pesos para ficar gostosa"

Depois do desabafo via internet, Smith recebeu mensagens de apoio pelo bullying sofrido nas últimas semanas.


Provocada, britânica se irrita:

Uma das atletas mais jovens da delegação da Grã-Bretanha, a halterofilista Zoe Smith passou por uma situação constrangedora a poucos dias do início dos Jogos Olímpicos. Após a exibição de um documentário sobre os representantes da modalidade na Olimpíada, a competidora de apenas 18 anos virou alvo de provocações na internet, de usuários que classificaram a aparência da esportista como de uma "lésbica" e de um "sujeito".

Irritada, Smith utilizou um blog para responder aos comentários. "Cabeças duras e machistas ignorantes, não levanto pesos para ficar gostosa para um homem. Algumas pessoas acreditam que isso não parece machismo, mas é. Eles se sentem incomodados porque nós (atletas do levantamento de peso feminino) somos mais fortes do que eles", reclamou a jovem competidora, que, de acordo com o Daily Mail, possui um namorado.

Depois do desabafo via internet, Smith recebeu mensagens de apoio pelo bullying sofrido nas últimas semanas. A admiração dos fãs popularizou ainda mais a competidora às vésperas dos Jogos. Os elogios públicos atingiram também o time britânico.

O técnico da competidora, Gab Stone, tão acostumado a acompanhar a atleta, elogiou o comportamento da jovem no episódio: "estou imensamente orgulhoso. É difícil acreditar que ela só tem 18 anos."

Fonte: Terra