Puyol anuncia que deixa o Barcelona ao fim da temporada após 19 anos

Rescindirá o contrato que ia até 2016 por causa das seguidas lesões que sofreu nos últimos meses e o tirou de grande parte dos jogos do time.

O Barcelona vai ficar sem um de seus ícones. Nesta terça-feira, o zagueiro Puyol anunciou em entrevista coletiva que deixará o clube depois de dedicar 19 de seus 35 anos ao blaugrana, mas não confirmou se vai se aposentar. Rescindirá o contrato que ia até 2016 por causa das seguidas lesões que sofreu nos últimos meses e o tirou de grande parte dos jogos do time.

- Estou cansado depois de tantos problemas de lesões e operações. Depois de duas cirurgias no joelho, não consigo ter o desempenho que gostaria. O clube vai rescindir meu contrato. Não sei o que farei quando a temporada acabar. Mas asseguro que vou descansar no verão - afirmou Puyol, referindo-se ao período de férias a partir de julho e confirmando que ao fim da temporada vai dar outra entrevista coletiva para fazer um balanço de sua carreira no Barcelona.



Revelado nas divisões de base do clube, o zagueiro é o segundo jogador espanhol que mais títulos conquistou, com 23, atrás apenas de Xavi, seu companheiro no Barcelona. Pelo clube, foi tri da Liga dos Campeões da Europa, hexa do Campeonato Espanhol e da Supercopa da Espanha e bi do Mundial de Clubes e da Copa do Rei. Na seleção, foi um dos líderes da geração que levou o país ao primeiro nível do futebol mundial, conquistando a Eurocopa em 2008 e a Copa do Mundo de 2010, na África do Sul, além de ter ganhado a medalha de prata nos Jogos Olímpicos de Sydney, em 2000.

Fonte: GloboEsporte