Rafaela trata ouro como resposta após Londres: "uma volta por cima"

Antes da Olimpíada de 2012, Rafaela Silva tinha em seu histórico um ótimo resultado no Mundial de Paris

Primeira mulher a dar uma medalha de ouro para o Brasil em um Mundial de Judô, Rafaela Silva fez história na tarde desta quarta-feira, no Rio de Janeiro. A judoca nacional venceu rapidamente a americana Marti Malloy na grande final para conquistar a medalha dourada. Emocionada com o resultado, Rafaela diz que a vitória é uma resposta às critícas após a Olimpíada de Londres.

"É muito bom, quando eu perdi a Olimpíada estava em quarto no ranking, infelizmente perdi na segunda luta. Muita gente me criticou, disse que o judô não era meu lugar. No meu primeiro ano do ciclo estou dando a volta por cima", comentou a brasileira, uma das grandes esperanças de medalha do País em 2016.

Antes da Olimpíada de 2012, Rafaela Silva tinha em seu histórico um ótimo resultado no Mundial de Paris, em 2011, quando conquistou a medalha de prata. A judoca ainda lembrou que entrou com uma estratégia definida para a decisão, finalizada em um minuto com um ippon.

"Eu lutei com essa adversária no Pan, eu não poderia deixar meu braço esticado. Pensei: "vou entrar, ficar bem justa, a primeira oportunidade que ela der vou entrar com tudo". Não podia perder a oportunidade", explicou.



Fonte: Terra