Reforço desencanta e vice-líder Corinthians bate Mirassol no fim

Reforço desencanta e vice-líder Corinthians bate Mirassol no fim

Agora, o time do técnico Tite soma 28 pontos, atrás apenas do São Paulo

Em uma partida que teve duas mudanças no placar nos últimos três minutos, o Corinthians contou com os dois primeiros gols de Willian pelo clube e com outro de Bruno César aos 46min do segundo tempo para bater o Mirassol por 3 a 2 neste domingo, fora de casa, pelo Campeonato Paulista. Esley havia empatado o confronto em 2 a 2 aos 44min, mas a equipe alvinegra alcançou a vitória de forma dramática dois minutos depois.

Agora, o time do técnico Tite soma 28 pontos, atrás apenas do São Paulo - que tem a mesma pontuação, mas leva a melhor no número de vitórias (9 a 8). Já o Mirassol, com 23 pontos, se mantém na zona de classificação para as quartas de final mesmo com a derrota.

O Corinthians controlou a posse de bola na primeira etapa, mas sofreu para criar chances claras e foi para o intervalo perdendo por 1 a 0, graças a um golaço de Serginho. Jorge Henrique foi expulso logo aos 5min do segundo tempo, mas a equipe da capital aproveitou uma jogada de bola parada e dois contra-ataques para fazer seus três gols e definir o duelo.

O jogo

Sem os lesionados Alessandro e Liedson, Tite optou por improvisar o volante Moradei na lateral direita e escalar Willian no comando do ataque, com Jorge Henrique e Dentinho abertos pelos lados. A equipe alvinegra não teve um bom início e a primeira chance foi do Mirassol, aos 2min: Esley arriscou de fora da área e Júlio César fez boa defesa.

Os dois substitutos do time alvinegro participaram da jogada que resultou na primeira oportunidade de gol do Corinthians, aos 7min. Moradei tocou para Willian na área, o atacante ajeitou e bateu girando, exigindo ótima intervenção de Fernando Leal.

Com muita movimentação do quarteto ofensivo, mas pouca inspiração para criar chances claras, o Corinthians mantinha a posse de bola, mas não conseguia ameaçar. A próxima chegada de perigo veio só aos 19min: Willian cruzou da direita, Paulinho concluiu na pequena área e Fernando Leal fez outra excelente defesa. Na sequência do lance, Paulinho se desequilibrou e bateu a cabeça na trave, exigindo atendimento médico.

O jogo estava equilibrado quando saiu o gol do Mirassol. Aos 26min, Xuxa dominou no meio de campo, arrancou com a bola dominada, escapou da marcação e serviu Serginho na entrada da área; o atacante ajeitou para o pé direito e bateu colocado, no ângulo, sem chances para Júlio César.

Mesmo após sofrer o gol, o Corinthians seguiu trocando passes no meio, sem pressa de chegar à meta adversária. Aos 35min, não deu para Paulinho, que seguiu atordoado pelo choque com a trave e teve que ser substituído pelo peruano Ramírez. Três minutos depois, a equipe da capital teve a última chance do primeiro tempo na bola parada: Morais levantou na área em cobrança de falta, a zaga afastou parcialmente e Willian pegou a sobra para finalizar, mas Fernando Leal espalmou.

Os dois times voltaram sem alterações para a segunda etapa e o Corinthians conseguiu o empate logo aos 2min. Após cobrança de escanteio da esquerda, Wallace cabeceou, Otacílio cortou mal e Willian aproveitou a bola viva na área para emendar de primeira para as redes, marcando seu primeiro gol com a camisa alvinegra.

Quando a situação parecia melhorar para os comandados de Tite, Jorge Henrique acertou carrinho violento em Esley, recebeu o segundo cartão amarelo e foi expulso de campo aos 5min. A equipe pareceu sentir o jogador a menos e passou a errar muitos passes, enquanto o Mirassol ameaçava: Serginho e Esley deram chutes para fora aos 13 e 14min.

A melhor chance do time da casa até então aconteceu aos 16min, quando Fabinho Capixaba cruzou da direita na pequena área e Wellington Amorim concluiu para fora, em lance de muito perigo. O castigo pelo erro veio aos 20min com a virada corintiana. Luiz Henrique saiu jogando errado, Dentinho aproveitou e deu bom passe para Willian, que driblou o goleiro e tocou para o gol vazio.

Com a vantagem no placar e um jogador a menos, o Corinthians tentou segurar o resultado até o fim, mas levou azar: aos 44min, Esley arriscou da intermediária, a bola desviou em Wallace, enganou Júlio César e entrou. Quando tudo apontava para o empate, o Mirassol vacilou e levou outro contra-ataque: Bruno César dominou na área, aos 46min, e bateu firme para decretar o resultado final.

FICHA TÉCNICA

Mirassol 2 x 3 Corinthians

Gols

Mirassol: Serginho, aos 26min do 1º tempo, e Esley, aos 44min do 2º tempo

Corinthians: Willian, aos 2min e aos 20min, e Bruno César, aos 46min do 2º tempo

Mirassol

Fernando Leal; Fabinho Capixaba, Gustavo Bastos, Luís Henrique e Diego; Otacílio (Reinaldo Alagoano), Jairo, Esley e Xuxa; Serginho (Victor) e Wellington Amorim (Guilherme). Técnico: Ivan Baitello

Corinthians

Júlio César; Moradei, Wallace, Leandro Castán e Fábio Santos; Ralf e Paulinho (Ramírez); Jorge Henrique, Morais (Danilo) e Dentinho; Willian (Bruno César). Técnico: Tite

Cartão amarelo

Corinthians: Jorge Henrique

Cartão vermelho

Corinthians: Jorge Henrique

Árbitro

Flávio Rodrigues Guerra

Local

Estádio José Maria Maia, Mirassol (SP)

Fonte: Terra, www.terra.com.br