Reportagem na TV estremece relação entre Globo e CBF

Recentemente Teixeira disse à revista "piauí" que só se incomodaria com denúncias veiculadas no "Jornal Nacional".

A reportagem sobre os gastos públicos irregulares do governo do Distrito Federal no amistoso entre Brasil e Portugal, em 2008, divulgada pelo "Jornal Nacional" da TV Globo, no sábado, estremeceu a relação entre o presidente da CBF, Ricardo Teixeira, e a emissora.



De acordo com o texto, a CBF entende que a motivação para a reportagem foi a mudança nos horários dos jogos de sábado do Campeonato Brasileiro --tirou as partidas das 21h.

Recentemente Teixeira disse à revista "piauí" que só se incomodaria com denúncias veiculadas no "Jornal Nacional". Mesmo após o programa, as relações comerciais entre CBF e Globo permanecem vigentes.

Desde a entrevista, o presidente da CBF virou alvo de protestos. No dia 30 de julho, durante o sorteio preliminar da Copa-2014, no Rio, manifestantes pediram a saída de Teixeira e o fim dos e os gastos públicos no Mundial. No dia 13 de agosto, movimento semelhante foi organizado na capital paulista.

Fonte: Folha.com