República Checa vence, avança e frustra anfitriã Polônia

Nas quartas, a República Checa espera pelo segundo colocado do Grupo B

Nem a força de sua torcida foi suficiente para empurrar a modesta seleção da Polônia às quartas de final neste sábado. Jogando em casa, na cidade de Wroclaw, os poloneses foram derrotados por 1 a 0 pela República Checa e frustraram seus torcedores, que tinham boas esperanças de classificação após dois empates nos primeiros jogos. Os checos, por sua vez, fizeram sua parte para conquistar a segunda vitória no torneio e somar seis pontos, avançando no Grupo A junto com a Grécia, que venceu a Rússia por 1 a 0.

Nas quartas, a República Checa espera pelo segundo colocado do Grupo B, que tem a Alemanha na ponta, com seis pontos, e atualmente a Dinamarca na vice-liderança, somando três pontos, junto com Portugal, que perde no confronto direto. A Holanda ainda não pontuou na chave.

Precisando da vitória para avançar, a Polônia começou melhor o jogo. Logo no início foram ao menos três boas chances de gol. A primeira ainda aos 2min, quando Dudka tentou uma bicicleta e errou o alvo por pouco. No entanto, logo a partida ficou equilibrada, perdendo em emoção. Mesmo assim, os poloneses ainda seguiram com maior posse de bola.

Já na segunda metade do primeiro tempo, os checos tentaram sair mais para o jogo, apostando nos lançamentos e chutes de fora da área, mas sem grande sucesso. No final da etapa inicial, as equipes ainda ficaram sabendo que ambas estariam eliminadas em caso de empate, por causa do gol da Grécia, diante da Rússia, já nos acréscimos do primeiro tempo em Varsóvia.

No segundo tempo, ficou clara a mudança de atitude da República Checa, talvez pela necessidade da vitória. A primeira chance clara dos checos veio em uma cabeçada a queima roupa, que o goleiro Tyto defendeu no susto. Mas não demorou muito para que a superioridade se traduzisse em gol.

Aos 26min, a Polônia, que já estava acuada, errou na saída de bola. Baros não perdoou e carregou a bola para o ataque fazendo o passe, já dentro da área, para Jiracek. Ele então cortou a marcação e chutou cruzado quando outro zagueiro se aproximava para tentar o corte. Em vantagem, os checos tiveram mais facilidade para controlar o jogo.

No último lance da partida, porém, a República Checa salvou um gol em cima da linha da Polônia, que eliminaria os dois times da competição. Logo depois, o árbitro resolveu encerrar a partida, para delírio da torcida checa presente em Wroclaw.

Ficha técnica

REPÚBLICA CHECA 1 x 0 POLÔNIA

Gols

REPÚBLICA CHECA:

Jiracek, aos 26min do 2º tempo

REPÚBLICA CHECA: Cech; Selassie, Sivok, Kladec e Limbersky; Jiracek (Rajtoral), Hubschman, Plasil, Pilar (Rezek) e Kolar; Baros (Pekhart)

Treinador: Michal Bilek

POLÔNIA: Tyton; Boenisch, Wasilewski, Perquis e Piszczek; Dudka, Polanski (Grosicki), Obraniak (Brozek), Murawski (Mierzejewski) e Błaszczykowski; Lewandowski

Treinador: Franciszek Smuda

Cartões amarelos

REPÚBLICA CHECA: Limbersky e Plasil

POLÔNIA: Murawski, Polanski, Błaszczykowski, Wasilewski e Perquis

Árbitro

Craig Thomson (Escócia)

Local

Estádio Municipal de Wroclaw, em Wroclaw (Polônia)


República Checa vence, avança e frustra anfitriã Polônia

Fonte: Terra