Rivais de Anderson e Minotauro admitem doping no UFC Rio 3

Rivais de Anderson e Minotauro admitem doping no UFC Rio 3

Com a admissão de culpa de ambos, o UFC vai submeter os exames às comissões responsáveis nos Estados Unidos, para que eles sejam suspensos

Os lutadores norte-americanos Stephan Bonnar e Dave Herman foram flagrados no antidoping em exames realizados após o UFC Rio 3, em outubro. Em comunicado do Ultimate, a organização revela que ambos admitiram o uso de substâncias ilícitas e serão suspensos por isso.

Bonnar, que foi nocauteado por Anderson Silva, foi pego com um esteroide anabolizante. Foi seu segundo flagra na carreira, pelo mesmo motivo. Já Herman, que foi finalizado por Minotauro, teve traços de maconha encontrados no exame e também é reincidente em relação à droga.

?Stephan Bonnar e Dave Herman testaram positivo para substâncias ilícitas após as lutas do UFC 153. O UFC tem uma estrita e consistente política contra o uso de qualquer substância ilegal ou que melhore performance, estimule ou mascare agentes. Ambos os lutadores admitiram o uso das substâncias e oralmente concordaram com suas suspensões?, explica a organização, em comunicado.

Com a admissão de culpa de ambos, o UFC vai submeter os exames às comissões responsáveis nos Estados Unidos, para que eles sejam oficialmente suspensos.

Depois da derrota, Stephan Bonnar anunciou sua aposentadoria do MMA. Já Herman vem de três derrotas consecutivas no UFC e deve ser liberado pelo evento.

Fonte: UOL