Rodrigo Caetano cobra respeito ao Fla e fala de soberba palmeirense

Diretor do Palmeiras questionou o trabalho do Flamengo.

O Flamengo não gostou das declarações de dirigentes do Palmeiras, na última sexta-feira (14), criticando uma suposta pressão e tentativa dos cariocas de "levar na mão grande" a disputa do Campeonato Brasileiro. Contrariado com as posturas dos alviverdes, o diretor executivo de futebol rubro-negro, Rodrigo Caetano, respondeu aos ataques paulistas.

A crítica de Caetano era especialmente ao colega Alexandre Mattos, diretor executivo do Palmeiras, que questionou o trabalho do Flamengo e entrevista ao lado do presidente Paulo Nobre.

"Não existe achar que só o Palmeiras trabalha, que só eles têm competência para estar lá. Foi uma infelicidade esse tipo de comentário. Ele pode julgar o trabalho do clube dele, não dos demais. Temos uma equipe qualificada, desde comissão a atletas. Não pode qualificar que só o Palmeiras está trabalhando e jogando futebol. Ele se utilizou de uma soberba que me surpreendeu e eu lamento muito", comentou Rodrigo.

"Não reconhecer que nosso clube realiza um bom trabalho, consistente. Se vai ser campeão ou não, vamos ver só ao final. Mas vamos disputar até o fim, como o Palmeiras e outros clubes. Desrespeitar isso é desrespeitar a profissionalização, é achar que não existe trabalho. Falta respeito nesse sentido. Não vamos admitir rótulos", completou o diretor executivo de futebol do Flamengo.

Diretor executivo de futebol rubro-negro, Rodrigo Caetano (Crédito: Gilvan de Souza/Flamengo)
Diretor executivo de futebol rubro-negro, Rodrigo Caetano (Crédito: Gilvan de Souza/Flamengo)


Fonte: UOL